Despejar o Estado para ir buscar a multa

O Licenciamento Zero hoje anunciada é  um chico-espertismo de Estado. O comerciante abre o seu estabelecimento como bem entende para depois ser multado – até parece que as coimas aumentam “ligeiramente”.

É óbvio que a actual situação é ridícula, ainda que na lei, salvo algumas excepções, a entidade licenciadora tenha de responder em 30 dias – o que raramente acontece.

O conceito desta zerada é como começar um jogo de futebol sem árbitro partindo do princípio que o árbitro julgará os casos polémicos assim que o jogo termine. As suas decisões não têm influência no resultado, mas o relatório do jogo poderá originar sumaríssimos.

Este Licenciamento Zero só serve a quem tem os amigos certos nas fiscalizações.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

3 respostas a Despejar o Estado para ir buscar a multa

  1. Abilio Rosa diz:

    Para estragar esta noite serena de Verão só faltava postar as ventas deste canastrão!

    Oh Tiago, tem dó do camarada Abílio!

  2. Santiago Macias diz:

    “Isto” vai dar barraca. E muitas, muitas multas!
    Temo horas de balbúrdia nas minhas tardes dedicadas ao licenciamento…

  3. Olá. Tiago … Passei só para te dizer Olá.
    Y que aqui um 5dias ( renato teixeira ) me apagou 1 comentário. Pena. Gostava que tomasses conhecimento do q estava por detrás desse comentário. É claro que o renato teixeira era o clássico “aranque vermelho”, pena ele n ter percebido. É óbvio que o mau português que ele alega para a não publicação do comentário é tb o “aranque vermelho”. Vale, miúdo. Vou estando lá pelo twitter.
    PS.: Triste por saber q agora aqui se apagam comentários. N esperava tão radical mudança.

    PS2.: Aranque vermelho = pretexto 🙂

Os comentários estão fechados.