P’ra baixo é o caminho!

O clube mais fascista de Portugal tem, desde hoje, um presidente à altura. Que os deixe no lugar que merecem. Bem lá no fundo!

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

29 respostas a P’ra baixo é o caminho!

  1. Nuno Ramos de Almeida diz:

    Achas que vão recuperar o antigo nome do estádio?

  2. Carlos Guedes diz:

    Não me admirava nada…

  3. ana diz:

    que era qual?
    esta criatura não é deputado?

  4. O Belenenses tem mais comunistas e gente de outras esquerdas, percentualmente, que o Clube do Regime actual e o fascista: o Benfica de Eusébio e companhia.

    O Filipe Vieira é do fascista, PS.

    A sua provocação é um nojo.

  5. Carlos Fonseca diz:

    Sou belenense e também não apoio o Almeida. Mas dizer que se trata do clube mais fascista de Portugal é produto de ignorância ou difamação – para já, do texto, deduz-se que existem outros clubes fascistas, embora menos. Quais são?
    Será o Benfica, clube amado pelo facínora Gonçalo Rapazote?
    Será o Sporting que, no Estado Novo, contava com toda a super-estrutura da PIDE, mais Casal Ribeiro, Brás Medeiros e o ministro salazarista Santos Costa, entre outros?
    Já aqui lembrei do atrevimento do jogador belenense Mariano Amaro que, ao fazer a saudação comunista no início de um jogo de selecção, terminado este foi preso pelos esbirros da PIDE.
    Sabia que o deputado comunista, António Filipe, é do Belenenses e ainda hoje participou no acto eleitoral?
    O Sr.Nuno Ramos de Almeida, numa próxima reunião de célula, que proponha a sua expulsão do partido.
    Antes de escrever sobre qualquer tema, é conveniente que se informe para não exibir a ignorância. Se não se trata de ignorância, é abjecta difamação. E então: PQoP!

  6. zeparafuzo diz:

    É ! Um Benfica fascista é obra !!!!! Um sportem a vender o João Moutinho ao FêCêPê, não é obra nenhuma é uma venda à casa mãe.

  7. zeparafuzo diz:

    Ah ! Digo sportem porque são viscondes, e realeza é ” memo ” assim .

  8. Nuno Ramos de Almeida diz:

    Sr. Carlinhos,
    O que tenho eu a ver com o post e a que célula pertenço eu?
    É simpático acabar o post com uma referência à sua mãezinha.

  9. João Carlos Vieira diz:

    Um post nojento, absolutamente miserável. Sou sócio do Belenenses e também comunista – como eu há muitos mais. Haverá outros mais à direita, como em todos os clubes. O Carlos Guedes e o Nuno Ramos de Almeida vêm para aqui destilar a sua ignorância e o seu ódio – com todo o direito – mas esquecem-se que a merda existe em todo lado, até (ou sobretudo) na cabeça de supostos bem-pensantes.

  10. Carlos Fonseca diz:

    Sr. Nuninho,
    Releia o seu comentário de solidariedade com o post. Você sabe a que célula pertence e o motivo por que a citei (António Filipe). É assim tão complexo de entender?

  11. Miguel Ladeiro diz:

    É melhor ser FDP que ser fascista. O Belenenses não é fascista mas o Carlos Guedes é um grande FDP.

  12. Renato Teixeira diz:

    Carlos Guedes, prepara-te para uma enxurrada. É um tema sensível onde necessariamente te presto a devida solidariedade.

    Ainda assim, e depois da maioria dos sócios ter votado nesse nessa figura, fica deveras mais fácil. A maioria, ouviram. A maioria.

  13. Pingback: cinco dias » É caso para dizer:

  14. Abílio Rosa diz:

    Afinal de contas a Direita teve um candidato a Belém e tem perfil de vencedor.

    O Cavaco, candidato do centrismo passista-coelhone e pós-socrático, que se cuide…

  15. Marota diz:

    Presidente? A uma carinha laróca como esta, mandava era ir brincar aos “cóbois”. Até parece que ainda tem baba chucha nos lábios.

  16. O autor do post
    não sabe, nem quererá saber ou averiguar, a História do Belenenses.
    Como se constituíu, que estratos sociais se fizeram sócios e simpatizantes (fascistas, socialistas, comunistas, anarquistas, social-democratas), todos os clubes têm, ou tiveram.
    Não faltam direcções de clubes (maiores ou menores) com membros politicamente da extrema-direita ao comunismo…

    Para o autor do post,
    João Almeida/ CDS, eleito presidente do Belém, é que é o principal motivo para desejar que o clube fique “bem lá no fundo”.

    O autor do post
    pensa e não deixará de pensar, que o Belém é “o clube mais fascista de Portugal”. Está enganado. Muito enganado !
    O autor do post
    continua a pensar no belenense Américo Thomaz, e quiçá noutros do regime salazarista-caetanista, “transporta-o” para o presente, associa-o levianamente a João Almeida e nem quererá saber quem elegeu, que ACTUAIS estratos sociais optaram “pelo CDS”.

  17. Também para Renato Teixeira, # 0.43,
    “a maioria, ouviram. A maioria” (sic) dos sócios belenenses, votaram “no CDS”… “Nessa figura”…
    Logo, o Belém pode ficar “bem lá no fundo”.

  18. Nota final: João Almeida ou o CDS não me “cativam” minimamente; nada tenho a ver com o Belenenses.
    Coloquei os dois comentários a um post que mistura levianamente política partidária com um clube, e vice-versa.
    (Por essa, e outras, há cada vez mais cidadãos apartidários. Rejeitam a anestesia).

  19. Nuno Ramos de Almeida diz:

    Carlinunhos,
    Tens de tomar os remédios.
    Aos alegados “comunistas” apoiantes do seu líder do PP João Almeida, um grande bem haja. Deviam aprender a ler os comentários, os posts e sobretudo os votos.

  20. Pisca diz:

    Nuno

    Os numeros não enganam

    do Record:

    Nas eleições, participaram 962 sócios dos Belenenses, correspondentes a 18,1 por cento do total de associados habilitados a votar (5 311)

    Simples

    daí à “esmagadora maioria de sócios do CDS”, vai alguma distância

    Que o meu Belém está pessimamente entregue disso não tenho duvidas

    Carlos:

    Ser atrasado mental é algo que pode suceder a cada um, mas tornar-se atrasado mental depois de crescidinho já é grave

    Um Clube de Esquerda só poderia ser o

    Futebol Clube do Berloque
    Presidente da Direcção – Louçã
    Presidente Assembleia Geral – Rosas (o historiador do regime)
    Treinador – Fazenda – Um homem do Norte Carago
    Cheerleader Principal – Ana Drago – com uma plataforma para se ver acima da relva

    Tirando isto são todos “fascistas”

  21. Pisca diz:

    Só uma chega, no Belém como na maioria dos clubes, os sócios têm um numero de votos de acordo com o seu tempo de sócio, logo os mais antigos dispõem de mais votos, não sei em pormenor quantos são

  22. Nuno Ramos de Almeida diz:

    Pisca,
    Estou de acordo consigo. Ser-se atrasado mental em velho é mt triste. Tem a minha simpatia. Espero que o seu processo não seja irreversível. Eu não escrevi um post sobre o Belenenses, mas sobre o Sporting. Limitei-me a comentar a hipótese de o novo presidente recuperar o antigo nome do estádio do Belenenses. Talvez pelo mesmo mecanismo que os cãezinhos do Pavlov tinham para salivar, uma série de comentadores, entre os quais você se inclui, resolveram incluir-me numa polémica que eu não criei. Para mim, é óbvio que eleger um dirigente do CDS para presidente de um clube é um sinal da inteligência dos sócios, tal como os do meu clube quando colocaram lá, com excelentes resultados, o Pedro Santana Lopes. De resto, não escrevi sobre o Belenenses. Não chamei fachos aos sócios. Não disse que tinham todos o QI do finado Almirante Américo Thomaz. Como ele diria, é a última vez que cá comento, desde a última vez que cá comentei. Vão polemizar com o Thomaz.

  23. Pisca diz:

    Nuno

    Para si só falei do numero de sócios nada mais

    O resto foi para o “opinadeiro” Carlitos Puro e Duro

    Agora confundiu o comentário, acontece ….

    Sobre o Sportem, é coisas viscondes e gente bem, eu sou mais filho de sapateiro

  24. Nuno Lopes diz:

    A blogsfera permite hoje em dia que qualquer um possa bolsar a sua opinião sobre tudo e todos, sem que a mesma seja assente em qualquer lógica fundamentada. Por apetece soltar uma laracha, e eis que a oportunidade está ali mesmo, á distancia de um clique ou de um teclado…
    Independentemente da opinião pessoal dos mesmos que, irresponsavelmente, soltam balidos contra quem demonstrou coragem em ajudar o seu Clube de coração, será que quando se opina (ou quem opina) se terá um conhecimento real da historia de um Clube com 90 anos de vida? Será que esses mesmos 90 anos terão sido passados á sombra do estado novo, como se sugere? Ou dá jeito “malhar” no Belenenses para que essa suspeita não recaia sobre outros Clubes? Apenas porque o Thomaz era “pastel”, todos os seus adeptos são de direita? Que dizer de tantas outras personagens da vida politica, artistica, social do Pais, assumidamente esquerdistas? Serão tambem eles fachos?
    E mesmo os Fachos, serão eles incapazes e inuteis, que não lhes seja reconhecido mérito para que possam fazer algo de positivo por um Clube tresmalhado, vitima de inumeros equivocos na escolha dos seus Dirigentes passados?
    Bom senso era necessario antes de qualquer “vómito” sobre pessoas sérias e idóneas.
    Teria sido melhor dormir um pedaço, ao invés da publicação dos comentários atentatorios contra a honra e bom nome de centenas de milhar de Portugueses.

  25. Nuno Bio diz:

    Carlos, excelente merda de post.

    Sobre o teu revolucionário amigo Jorge Nuno não és tão lesto a comentar.

    Aliás na Curva Norte consta que há muitos berloquistas…

    Badamerda.

  26. Carlos Guedes diz:

    NB, pelo menos o teu comentário está ao nível do post.
    Quanto ao Jorge Nuno, não há grande coisa a dizer. Quem me conhece sabe o que penso sobre ele. Quem não me conhece, não sabe. É simples.

  27. Nuno bio diz:

    O problema não esta em ser anti-Belém ou em ser anti- Joao.
    O problema esta em misturar a política com o futebol.
    Fico a espera de saber quais são para ti us clubes de esquerda para que quem te der credito possa integrar os ditos clubes e não se sentir como traidor.
    E como te conheço bem sei que já foste um pinto da costa fã .

  28. Carlos Guedes diz:

    Ora aí está. «O problema está em misturar a política com o futebol». Se este senhor é deputado e exerce funções num partido político não devia estar à frente de um clube. Ou, a estar, suspende a sua actividade político-partidária. O futebol e a política misturam-se enquanto este e outros que tais (Valentim e filho, Hermínio Loureiro, Gilberto Madaíl, entre outros) insistirem em imiscuir-se na vida dos clubes de futebol ou dos organismos que os dirigem.
    Quanto ao resto, balelas. Nem tu me conheces bem, nem o Pinto da Costa é para aqui chamado.

Os comentários estão fechados.