Ao ataque

  • Banco de Portugal: famílias vão empobrecer mas isso é um mal menor
  • Gabinetes ministeriais custam mais de 30 milhões em 2010
  • Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

    3 Responses to Ao ataque

    1. Antonio Mira diz:

      Citando o post do Renato:

      Vítor Constâncio: Banco de Portugal, 249.448€

      A por eles!!

    2. c diz:

      não sei porque , este post fez-me lembrar a maria antonieta e o “comam brioches”

    3. pagamos 30 milhões por mordomias, secretários assessores e afins, somos na realidade mesmo estúpidos.

    Os comentários estão fechados.