Bom, acabou-se a converseta das presidenciais e a “unidade de esquerda” à la F. Louçã

Manuel Alegre não aplaude mas diz compreender o plano de austeridade aprovado pelo Governo. E aconselha Sócrates a “falar claro e com verdade”, porque “as pessoas são capazes de compreender”.

[A ler, no “Expresso” mais logo; coisa matinal, a não perder]

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

6 Responses to Bom, acabou-se a converseta das presidenciais e a “unidade de esquerda” à la F. Louçã

  1. Pingback: Tweets that mention cinco dias » Bom, acabou-se a converseta das presidenciais e a “unidade de esquerda” à la F. Louçã -- Topsy.com

  2. Estou a ver em cima o Padrinho V e na imagem embaixo, passa tudo ao lado do xico fininho. Vota conde.

  3. Aristes diz:

    Espero que sim que as “pessoas”, ou seja os poucos que ainda andavam embalados ao som da música do poeta, finalmente compreendam.

  4. Renato Teixeira diz:

    E agora? O que dirão os democratas de esquerda?

  5. tal como na ópera a musica suporta o drama, manjar de necrófagos se por aquela não for animada.

Os comentários estão fechados.