O que importa recordar

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

5 respostas a O que importa recordar

  1. Manel Z diz:

    A União Soviética também veio abaixo por causa dos ataques especulativos.

  2. Pingback: Tweets that mention cinco dias » O que importa recordar -- Topsy.com

  3. ser.r.aleixo diz:

    Este filme é de quando e a propósito de quê ou de que ocasião está o Álvaro Cunhal a falar? Inserir num contexto era porreiro, doutra forma poderia estar ali a falar o Paulo Portas, o Louçã, o Sócrates ou o miúdo do PSD que o discurso seria o mesmo.
    Considero os contextos e os objectivos dos discursos muito importantes doutra forma estes últimos, os discursos, confundem-se.
    Agradeço o esclarecimento.

  4. Fabuloso… a gestão que os seus camaradas fizeram no leste, está à vista. Desde 1945 que não se viam tantos nazis por todo o lado. E na Rússia, apesar da Barbarossa, lá estão eles aos magotes pelas ruas. Bravo, Cunhal.

    * Devia estar a referir-se à aliança com Brezhnev e à “assistência” técnica providenciada pela casa da Lubianka,

  5. João Dias diz:

    Excelente Cunhal, a história vem dar-lhe razão.

Os comentários estão fechados.