HOMICÍDIO E DECAPITAÇÃO (o PS resiste e ainda há-de edificar a sociedade que sempre “sonhou”)

(Foto: “Público”)

O excelso crânio que vemos na foto é estonteante. Parece-me que no Parlamento Europeu não produziu nada absolutamente nada. Foi um dos membros mais nulos dessa casa segundo inquéritos internacionais (foi um “deputado ZERO”: ZERO Moções; ZERO Questões orais; ZERO Relatórios; ZERO Declarações; parece-me que emitiu UMA opinião UMA vez!!). Agora, em dois dias, produziu um “homicídio de carácter” e uma “decapitação”. Bravo. É caso para temer pela saúde e carreira profissional do juiz de instrução de Aveiro (o doente Valupi quer mesmo a cabeça do homem) e do procurador titular do “Face Oculta” que, como se sabe, em nada concordam com o PGR sobre as “escutas”.

Olhem para Rui Teixeira, oh voluntaristas: vão parar à “província”, não receberão ordenados e avaliação e/ou promoção nikles. De resto, é muito interessante a preocupação dos “socialistas” com o segredo de justiça. Não foi Ferro Rodrigues que disse que se estava “cagando” para isso??

Votem mais neles, pois, e que Deus os (e vos) guarde!

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

14 Responses to HOMICÍDIO E DECAPITAÇÃO (o PS resiste e ainda há-de edificar a sociedade que sempre “sonhou”)

  1. xatoo diz:

    ora caro professor Carlos Vidal, tente ser positivo, afinal não fazer nada nos tempos que correm é uma coisa útil, se compararmos com o autêntico corropio de actos de sacanagem que os pares deste marmelo produzem. Afinal o Francisco Assis até teve a coragem de se deslocar propositadamente a Lisboa para proferir uma comunicação no Tribunal para os Direitos Humanos na Palestina. Foi o único socialista (do P”S”) presente o que lhe valeu um remoque do Silas Cerqueira: “afinal sendo eu comunista e o Francisco Assis socialista, ambos estamos do mesmo lado, ambos perseguimos o socialismo”… (risos na sala)
    Afinal é preciso ter isto em conta: as bases do P”S” ainda são muito sensiveis a este conceito, creio

  2. rosa matias diz:

    Essa vossa estória está 1 bocadinho mal contada, ñ? mas assim…”pega melhor”, certo? Então está bem, pk ñ “juíz rui teixeira á presidência”, ou ainda melhor “santifiquem o juíz rui teixeira”???

  3. rosa diz:

    http://www.csm.org.pt/imprensa/comunicados/199-imprensa09-05
    Que tal ver isto? Visto, a estória parece diferente!

  4. Diogo diz:

    Porque é que os quatro homens acusados de terem agredido, em Maio de 2003, o ex-presidente da Distrital do PS/Porto, Francisco Assis, não bateram com mais força? O crâneo teria certamente resistido…

  5. Carlos Vidal diz:

    Dona Rosa, aguarde, aguarde. Estamos todos a aguardar (pelas suas explicações).
    (Ora diga-nos cá, você que tudo sabe: que “erro grosseiro” cometeu o pobre do juiz?? E porque é que houve problemas no pagamento do trabalho do juiz em Timor?? E os telefonemas entre António Costa e Ferro Rodrigues na altura da prisão de Pedroso??, serviram para quê?? Lembra-se?? Não?? E o “tou-me cagando para o segredo de justiça!” foi dito por quem?? Oh Dona Rosa…)

  6. António Correia diz:

    O simpático líder da bancada do PS – Francisco Assis – ontem, ao final da tarde, em conferência de imprensa, a propósito do das “conversas” J. Sócrtaes – A. Vara, serem arquivadas, garantiu que “acabaram as dúvidas”.
    Curiosamente, Rodrigo Santiago, advogado do sucateiro de Aveiro, afirmou que “Manuel Godinho é a face visivel, é apenas a ponta de um icebergue”. Pelos vistos, o advogado, que teve acesso ao processo, não tem dúvidas. Chegar-se-á ao fundo do icebergue? Aí, quero ver o entusiasmo de Francisco Assis.
    Visitem
    http://o-andarilho.blogspot.com

  7. The Studio diz:

    “que “erro grosseiro” cometeu o pobre do juiz?”

    Cometeu o erro grosseiro de incriminar uma alta figura do PS.

    Eu confesso que até simpatizo com o Assis. Hoje quando o ouvi falar do “bom nome do Eng. Sócrates” no telejornal ri-me tanto que até me doeu a barriga 🙂 Força Assis.

  8. Augusto diz:

    Se queremos dignificar a Justiça devemos pedir RIGOR a todos os seus intervenientes, a actuação de Rui Teixeira, e já agora do anterior Procurador Souto Moura, foi a todos os titulos LAMENTAVEL.

    Tenho pena que alguem ligado ao PCP como o sr Vidal, utilize certo tipo de argumentos para tentar criticar o PS, e não as questões de fundo.

    Quanto á frase do Ferro Rodrigues, TIDA NUMA CONVERSA PARTICULAR, era mais que justificável naquele contexto, e utilizá-la da forma que o sr Vidal a utiliza, não o dignifica.

  9. Pingback: Obrigado, Vidal at Aspirina B

  10. Sr.Vidal,não tenho a honra de o conhecer,nem nunca li nada escrito por si, a não ser a”brilhante” peça do início destes textos.Mas, pela amostra ,acho que não perdi nada.Como aliás o sr. poderá dizer o mesmo de mim ,venho por este meio expressar a minha repulsa e o meu desprezo e desejar-lhe uma feliz estadia em qualquer Sol da terra e pricipalmente bastante longe daqui.

  11. é, lá edificar edificam, mas na própria vida política, na ordem da natureza, no quadro das leis, não será impossível que o primeiro dos meios normais para realizar o bem comum de um Estado, quer dizer, a justiça e a moralidade políticas leve à ruína e à catástrofe desse Estado? Não será impossível que o primeiro dos meios para corromper o bem comum de um Estado, quer dizer a injustiça e a perversidade políticas, leve ao triunfo e à prosperidade deste Estado?

  12. Atento,venerador e obrigado, de VªExª sempre .

  13. Augusto Manuel Rievenstahl diz:

    Este senhor na fotografia é beto?

  14. Carlos Vidal diz:

    Ṇo, caro Augusto, o homem da foto ṇo ̩ um beto Р̩ bem pior.
    É uma personagem inflada, muito inflada, de ética.

    É que não há nada pior do que sermos inflados de ética, seja lá o que isso for.

Os comentários estão fechados.