Mentindo como sempre: ocultando como sempre: não falando como sempre (do que deveria ser sublinhadíssimo)


ZANG HUAN (uma recente revelação da arte chinese; possível retrato nosso?)

É verdade, é verdade: como é que de repente J. Sócrates tem como seu actual cavalo de batalha o investimento público se, durante o seu olvidável (mas não, não esqueceremos!) consulado de quatro malditos anos (como todos os do seu PS que não é socialista), o investimento público definhou, definhou….mais de 30% !!!!

Sócrates converteu-se repentinamente num defensor ardente do investimento público, apresentando isso como um ponto importante que o diferenciaria de Manuela Ferreira Leite. E isto quando nos últimos quatro anos foi precisamente o seu governo que mais reduziu o investimento público em Portugal.
De acordo com o Eurostat, em 2004, o investimento público total em Portugal correspondia a 3,1% do PIB, mas em 2008 era já apenas de 2,1% do PIB. Portanto, em quatro anos de governo de Sócrates, o investimento público em Portugal, em percentagem do PIB, diminuiu em 32,3%.

O gráfico não engana nada nem ninguém (e cá está, Eugénio Rosa desmente Sócrates o socratista; e repare-se como na União Europeia a 27 o mesmo investimento público neste espaço de 4 anos 4 aumentou sempre, sempre; logo, é na excepção socratista que alguns querem “votar” e “acreditar”?? Não há juízo??)

gráfico-inv

(Eurostat)

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

Uma resposta a Mentindo como sempre: ocultando como sempre: não falando como sempre (do que deveria ser sublinhadíssimo)

  1. Pingback: cinco dias » A nossa condição no capitalismo “p.socialista” – com Zang Huan ou Tania Bruguera (uma cubana das preferidas)

Os comentários estão fechados.