falta de vergonha

Parece que há gente incomodada por Manuela Ferreira Leite não se ter disponibilizado para mostrar o seu lado mais pessoal à SIC. Mas não apoquenta estas alminhas que o partido socialista, prometendo no seu programa que “promoverá a criação de redes de bibliotecas básicas de cultura em língua portuguesa e a criação de redes de escolas, no quadro de uma agenda solidária de apoio ao desenvolvimento e à alfabetização, entre outras banalidades similares, não tenha vergonha de divulgar e amplificar no seu site o lado pessoal de Sócrates como nunca o viu, no qual o admirável líder nos serve uma coxa declamatória de uma ode de Ricardo Reis pertencente a Álvaro de Campos ? Quanto a alfabetização estamos conversados: o PS bem pode começar por alfabetizar o seu estimável engenheiro, talvez apetrechando a biblioteca de São Bento com alguns instrumentos básicos: sugere-se o “Rosto e as Máscaras”, a colectânea pessoana organizada por David Mourão Ferreira. Lê-se numa tarde.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

3 respostas a falta de vergonha

  1. Carlos Vidal diz:

    Não posso crer que o PS divulgue o vídeo vergonhoso do seu “líder” no próprio site dessa coisa-partido.
    Será que um “documentário” com um ignorante pode ser um acto de “cultura”??

  2. vasco diz:

    Lamento ter sido eu a levantar a lebre do poema no blogue do João Gonçalves. Longe de mim implicar que a política e a cultura dominante da televisão e dos jornais são dominadas por ignorantes e gente pesporrenta que acha que a qualidade da sua visão do mundo deriva da quantidade. Nada disso. Essas coisas jamais me passariam pela cabeça.

  3. javali diz:

    Só por o não ter feito dá-me vontade de votar na miúda. Com toda a franqueza.

Os comentários estão fechados.