Do “el mundo”

“El canal TVI suspende un programa informativo crítico con el Gobierno”

(A ler, claro; a imprensa espanhola está muito, muito atenta, atenção: o PR lê jornais? Preocupa-se com as andanças da nossa fama?)

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

14 respostas a Do “el mundo”

  1. Augusto diz:

    O El Mundo é concorrente do El País e consequentemente da Prisa, e politicamente é o jornal apoiante do PP, o partido da direita espanhola.

  2. Carlos Vidal diz:

    Grato, Francisco. Já lá fui e recomendo.

  3. m diz:

    está atenta também pela escandaleira do zapa com decreto real ( real , ãh?) à pressa para que um amigo do psoe vendesse futebol em tv . sabem disto , não sabem? e eu que até gostava do zapa.

  4. rita diz:

    E agora?

    Começo a ter pena de já não estarem sob a madeira da cozinha da casa do meu avô as G3 que, em pequenina, ainda cheguei a ver, naqueles tempos em que se esteve quase a pegar em armas contra os restos do fascismo.

    Que fazer, quando toda esta m… arde?

    É sempre mau, seja qual for a verdade! Se Sócrates esteve por detrás do fim do jornal da MMG, deve ser combatido na rua, já e em força.

    Se foi só uma filha da putice dos “espanholes”, então, até Sócrates devia vestir o camuflado de pistola à cintura…

    Mas se foi ambas as coisas, o que é uma possibilidade, bom, então, se calhar, o melhor é tomar um Valium e dormir na esperança vácua de que isto seja apenas um pesadelo. Porque, caso contrário, meus senhores, estamos todos como aquelas vacas à entrada para o açougue. E só nos resta pinotear para vender o mais caro possível o golpe na jugular.

    Eu não quero um país assim. Um país assim é pior que país nenhum!!!

    Rita

  5. órélio diz:

    fico bem contente que a Moura Guedes e o seu destinto marido vão pó … O mau serviço ao jornalismo que aqueles cromos absolutamente alinhados com o CDS prestavam não devia ser mais tolerado. Parece que ninguém se preocupou nunca a acusar os dois mercenários de pagarem lip service aos partidos da direita. Isso nunca importunou ninguém…

    O facto de Portas aparecer sempre (sempre!!!) nas sequências noticiosas em terceiro lugar – depois de PS e PSD – quando na realidade ocupa um mísero quinto lugar nas preferências dos portugueses isso nunca levou ninguém a pegar nas G3????

    O que me preocupa é que um jornal como da TVI ser o mais visto pelos portugueses!!!!??? Isso sim, é preocupante para a democracia e para a liberdade de expressão!

    Finalmente, fico particularmente impressionado: vocês são tão fanáticos, mas tão fanáticos, que até linkam o el mundo, um jornal que corroborou a treta da ETA para salvar o Aznar quando foi o atentado em Madrid, um jornal perfeitamente alinhado com o PP.

    Eh pá, tenham o mínimo de decência e já agora de coerência.

    a mesma pergunta que fiz há pouco: o Carlos gostava do telejornal da TVI?

  6. Carlos Vidal diz:

    Gostava do telejornal da TVI. Via-o quase sempre. Era sustentado em aprofundada investigação ou investigações e partia do princípio que o biografia do primeiro-ministro era tudo menos clara (o que ninguém contesta). Assim sendo, trabalhava nesse pressuposto, pois um primeiro-ministro é um cidadão muito particular e NÃO pode deixar de ser sistematicamente escrutinado quando tem casos e casos e mais casos para clarificar. Percebeu?

  7. almajecta diz:

    ele foi nas janelas verdes, hoje em BBVA, Santander e cais da matinha, gracias a nuestros hermanos.

  8. órélio diz:

    parece que o Carlos via avidamente o jornal da TVI por causa do nosso primeiro, visto que não se lembra de mais nenhum momento de particular relevo.

    E isso diz muito do jornal (menos do Carlos): é que um jornal que apostou no tabloidismo em relação ao primeiro-ministro é um jornal perfeitamente imparcial e independente!! Está bem de ver.

    mas o carlos surpreende-me, porque tinha-o por pessoa erudita. E o telejornal da TVI (já agora qualquer deles da TVI não apenas o da Boca Guedes) era abaixo de cão.

    Nb. Não sou do PS. Mas lá por isso não faço fretes a uma gaja que andava com um abaixo-assinado de uma coisa chamada Movimento Informação e Liberdade, onde pontuava um outro grande homem, nada arregimentado politicamente!!!, chamado JMF.

    Pois.

  9. Carlos Vidal diz:

    Ó Grande Jecta, regressado e em grande forma de terras Xingú.
    Como é que é por lá, muita antropologia hibridizada e pós-colonialeira?
    E os Xingús orientaleiros?, são muito extremo-orientaleiros?

    (E quando é que começa a FBAUL??)

  10. almajecta diz:

    Objectivamente, capítulo 6 del retorno de lo real em la vanguardia a finales de siglo, pois estou a especializar-me no ramo depois de chegar a deputado antes da fabrica que falece. Mais em estudo cultural Post~Modern de género tigre asiático. Vês… como acertas nas Índias Orientais e que tais, não fora a prometida Xingú-Amazon passava-te a angústia da liberdade.

  11. carlos graça diz:

    segundo as próprias palavras de Cavaco Silva : “não leio jornais, não tenho dúvidas, e raramente me engano”

  12. almajecta diz:

    Lá radicar radicam mas numa papelosa interminável, mui performativos, actuantes e tal, sem tempo para descrições narrativas e informativas dos eventos acontecidos nem para o entretenimento televisivo, cinematográfico ou DVD, mas muito iPod um Deus nos acuda de termiteira em actividade racional e progressiva, não tão divertidos como o Zeque e o Oreo, aguenta-te e acaba com a papelada.
    a antropologia como ciência social mole pois que é, não tem qualquer importância e o
    pós-colonialismo é imposto pela China, Japão e India, um caso muito sério mesmo para a europa.

  13. almajecta diz:

    afinal de contas não foi a Adm. da Prisa España, foi a Adm. da Prisa Portugal, ora bolas… mais um facto social local.

Os comentários estão fechados.