Nem guerra entre povos, nem paz entre as classes!

Ontem, por escassos minutos, Sócrates fez-me apreciar a Ministra da Educação quando criticava a forma como tinham sido apresentadas as reformas aos professores. Para o primeiro ministro o problema estaria na forma, que devia ter sido mais “delicada” (adjectivo utilizado). Contudo, parece que a comunicação social não notou ou a agência preparou bem as notícias.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.