Os SIMPLEXES são gente perigosa – melhor será cortar todo o tipo de relações com eles, nem que sejam de (diria Kant) asco


KIKI SMITH

Bom, a coisa conta-se assim: tudo começou com o blogue “Jamais”, que faz o seu trabalho o melhor que pode (e daqui lhes envio um abraço adversário de respeito). Numa noite, um blogger de lá, fez um post sobre a inenarrável frase dos “caroços das cerejas” de Carolina Patrocínio, ilustrada com uma foto da citada, foto normalíssima. Aparece logo o SIMPLEX João Coisas ameaçando ir contar tudo a Carolina, pois a reprodução da imagem da menina ia-lhes, ao “Jamais”, custar caro. O senhor tinha ido ao “Jamais” dizer: sou amigo da Patrocínio e irei falar com ela. Seguidamente, um colega do 5dias fez um post sobre tamanha abjecção.

O Coisas apareceu por cá dizendo que nós não conhecíamos a história toda, e que ele, Coisas, nem sequer votava PS (até aqui é tudo verdade). Registámos a sua confissão – e eu limitei-me a acrescentar que isso não me interessava, apenas sublinhava a sua propensão para a denúncia. Alguém aparece aqui em nome do Coisas a dizer que não vota PS e vota PNR. O Coisas diz que nós, de forma canalha, fabricámos esse comentário. O Coisas recebe a solidariedade do SIMPLEX em peso. Eu comento no SIMPLEX dizendo que de bufos e de denunciantes a sra. Irene Pimentel (historiadora do século XX !!) deve saber o suficiente, uma vez que também mandou abraços para o Coisas. O meu comentário não foi publicado.

De resto, é verdade, o comentário “voto PNR” não é do Coisas, mas o “não voto PS” é. Significa que o SIMPLEX contratou um “art-director”, que não vota PS, para “embelezar” a casa. Tudo bem. Não terei mesmo nada a ver com isso, mas parece-me que aquela gente vive destas merdas e intrigas. Com SIMPLEXES todo o cuidado é pouco. Doença incurável.

Post-scriptum: Este post justifica-se cada vez mais, pois o sr. Coisas não pára de enviar e-mails e comentários para aqui, 5dias. Não sei o que pretende – teve os seus minutos de fama (a blogosfera está inundada com isto!!!)

Ó SIMPLEXES, vão desaguar noutra merda de sítio, OK??

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

13 respostas a Os SIMPLEXES são gente perigosa – melhor será cortar todo o tipo de relações com eles, nem que sejam de (diria Kant) asco

  1. Nuno Cruz diz:

    Credo, ilustrar um post destes com uma obra da fabulosa Kiki Smith.

  2. Carlos Vidal diz:

    Não se preocupe. Quase ninguém sabe quem ela é.
    Eu sei, você sabe, tanto melhor.

    Os SIMPLEXES nem a distinguem do símbolo-rosa do PS deles.
    Para eles, é tudo igual a tudo.

  3. joão miguel lemos diz:

    O autor deste post se não é inimputável anda lá perto.

  4. Justiniano diz:

    Vidal.
    O Coisas tem coisas que a razão desconhece. Mas, e ao que parece, pela contrição que Coisas fez, como diria Kant, não convém desdenhar dos homens de boa vontade.

  5. Esta coisa deixou-me a pensar.

  6. Da-se diz:

    O “comentador” joão miguel lemos, pelos vistos, sabe do que fala. Não “anda lá perto”, está lá…

  7. António Figueira diz:

    Desculpa lá, ó Carlos, mas para conspirador, conspirador e meio: como é que sabes (claramente sabido) que o “comentário PNR” não é do Coisas? Porque tem um IP diferente? Ora, ora: um tipo que arranja este pé-de-vento todo, também pode muito bem arranjar outro IP para se auto-falsificar! (Gastar tempo e pachorra com coisas destas é que não me parece que valha a pena, meus bons amigos).
    Abraços, AF

  8. Carlos Vidal diz:

    Nem mais, certíssimo António.
    Mas o tipo conseguiu hoje quase incendiar a blogosfera com o não-assunto, ultrapassando o tempo de fama warholiano que cabe a toda a gente. (E amanhã ninguém se vai lembrar.)

  9. Sempre disse que os perigosos e avençados SIMplexianos eram Ladradores de Rebanhos. Ferozes capazes de tudo pela recompensa canina de quem lhes paga os latidos. A dinheirama-osso sobe-lhes à cabeça de tal modo que não se coibem de toda a esterqueira, conforme está à vista.

  10. Carlos Vidal diz:

    Caro Palavrossaurus, contra a abjecção socratista estaremos sempre no mesmo barco. Inevitavelmente.

  11. javali diz:

    O “Coisas” escreve correcto e incorrecto sem c. Deve ser um director artístico do caraças. Como nunca gramei malta da publicidade e das agências de comunicação, e das suas teorias pífias e mentirosas, não me espanta a metodologia. No fundo, não passam de comadres de aldeia, com a desvantagem de não serem comadres de aldeia.

  12. Simplex não é um tipo de herpes qualquer? Acho que sim.

  13. Carlos Vidal diz:

    Caríssimo nuno, certíssimo.
    Como adivinhou?

Os comentários estão fechados.