“Odeio os caroços nas frutas. Só como cerejas quando a minha empregada tira os caroços por mim. E uvas sem grainhas. É uma trabalheira”

Declaração de Carolina Patrocínio, mandatária para a juventude do PS – via Arrastão.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

5 respostas a “Odeio os caroços nas frutas. Só como cerejas quando a minha empregada tira os caroços por mim. E uvas sem grainhas. É uma trabalheira”

  1. António Figueira diz:

    Será uma trabalheira – mas para a empregada!

    PS: Não há uma feminista neste burgo que se insurja contra a utilização da mulher-objecto que este episódio patético da jovem “Patrocínio-sem-caroços” tão ostensivamente constitui?!

  2. António Figueira diz:

    Não sei se o/a Chuckie Egg é um/a “feminista deste burgo”, mas acertou na mouche. Obrigado, AF

Os comentários estão fechados.