Estado policial (post de Verão)

Eu guio descalço. A GNR multa-me, porque acha que é proibido guiar descalço. Não é, mas a GNR multa na mesma, e eu tenho de pagar logo, se não apreendem-me a carta. Reclamo, e a DGV tem dois anos para me responder, quase três para me devolver a massa. A GNR ri-se, eu lixo-me, a justiça dorme (está calor).

PS: Post inspirado aqui.

Sobre António Figueira

SEXTA | António Figueira
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

2 respostas a Estado policial (post de Verão)

  1. Carlos Fernandes diz:

    Ai ai, se alguém da GNR ler isto ainda “comes” é mais uma bela multa… Eu cá só guio calçado, além do mais se alguém me chatear ainda posso usar o sapato como arma de arremesso, do genero da cena anti-Bush.

  2. Quanto ao desconhecimento do código da Estrada pelos agentes da autoridade, a experiência dos ciclistas é parecida “O senhor não sabe que tem que andar de capacete? E vá pró passeio faxavor.” “ó xôragente , mas o código da estrada diz o contrário … ” , “mas quem é que é a autoridade aqui, vamos lá saber ? ” , etc.

Os comentários estão fechados.