NOTÍCIA INTERESSANTÍSSIMA

vmha1

Do “Sol” :

“O cabeça de lista do Partido Socialista ao Parlamento Europeu foi o docente menos votado nas eleições para o Conselho Científico da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra. Vital Moreira não recebeu nenhum voto no escrutínio de terça-feira.

Segundo a acta da Comissão Eleitoral para as Eleições do Conselho Científico da FDUC, Vital Martins Moreira não colheu qualquer voto e ficou em último lugar nas preferências dos docentes da faculdade.

A votação realizou-se terça-feira, 2 de Junho. Entre os candidatos contavam-se todos os docentes doutorados que não tivessem declarado indisponibilidade para concorrer a um lugar no conselho científico.

Vital Moreira não manifestou indisponibilidade para continuar naquele órgão para o qual foi eleito em 2006, apesar de não ter comparecido a qualquer reunião do conselho durante dois anos.

Nesse período, o constitucionalista também acumulou faltas injustificadas às aulas e não apresentou sumários das lições, como a lei exige. No entanto, Vital não foi alvo de qualquer processo disciplinar”.

NOTA: Peço uma atenção muito especial, naturalmente, ao que sublinhei. 

 

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

15 respostas a NOTÍCIA INTERESSANTÍSSIMA

  1. Fortuna diz:

    Isto é a lógica jacobino/câncio/socialista: para os amigos tudo, para os inimigos nada e para os outros que se cumpra a lei

  2. j diz:

    Diria, então, que tal senhor Vital tem um óptimo perfil para se dedicar à política.

  3. Manifestamente, não teve disponibilidade sequer para manifestar indisponibilidade.

  4. Enojado diz:

    Estou que, como eurodeputado, vai fazer o mesmo: não põe os pés no PE e saca a massa ao fim do mês. Chamem-lhe parvo…

  5. /me diz:

    Não tenho simpatia nenhuma pelo Vital, mas qual é a importância de ele não ter recebido nenhum voto? Já ter acumulado faltas injustificadas às aulas (e às reuniões de um conselho para o qual tinha sido eleito) é algo que me parece muito grave. Mas não receber votos nas eleições para o Conselho Científico não tem nada a ver com nada. Não sabemos das motivações dos votantes, presume-se que o próprio Vital não quereria ser votado. E claramente não merecia. Mas… e daí?

  6. Carlos Vidal diz:

    Caro de / me,
    A sua pergunta faz sentido, por isso é que eu sublinhei ou destaquei o último parágrafo e duas linhas do penúltimo; destaquei a vermelho com link. Isso é que é importante. Mas, de facto, também sublinhei os zero votos (sem “vermelho”). Na minha nota deveria pois dizer que o sublinhado importante estava a vermelho – pensava que isso se depreendesse.
    É grave, pois:
    – não fazer sumários e / ou não os apresentar
    – faltar durante dois anos às reuniões do Científico
    – ter faltas injustificadas

  7. almajecta diz:

    Este é um daqueles assuntos de secretaria para chefe de divisão. Aproximas-te e estás cada vez mais próximo da mentalidade de um burocrata, falas como um PS. Repara: é grave, muito grave, não preencheu, faltou.

  8. Rui Herbon diz:

    Quando um professor doutor de Coimbra, meu deus, não conhece a Lei (ou não se informa, tanto dá) e mente, é difícil pertencer a uma coisa chamada Conselho Científico. Sobre a mentira, vide:

    http://aescadadepenrose.blogspot.com/2009/06/vitalmente.htmldescaradamente.

  9. Escusado será dizer que a notícia já foi desmentida. Mas isso também não deve interessar muito.

    Mais relevante, nota-se que se condena um candidato por o mesmo ter perdido umas eleições no passado. Muito ao espírito do estalinismo, perde, é apagado, deportado, directamente para o Gulag…

  10. Carlos Vidal diz:

    Ó Grande Jecta, eu sei mais ou menos porque falas em burocracia. E eu estou de acordo com isso (os directores e directoras são pessoas tramadas e mais ainda os que mandam neles). O nosso antecessor Varela Aldemira, grande mestre, não punha os pés nas aulas. Pintava no atelier e, de vez em quando, passava por uma ou outra classe, olhava cirurgicamente, aponta algo com o dedo, depois retirava-se. Mas um mestre era um mestre. Vital Moreira não é um mestre e para chegar a Varela, ó quanta farinha Maizena ou daquela outra prá avó e prá neta.

    Quanto ao comentador Ricardo Ferreira, considere as três ou quatro questões
    – os zero votos (questão menor, por mim teria menos que zero, mas enfim…)
    – os sumários
    – as faltas injustificadas
    – o ser membro de um conselho e não comparecer às reuniões e, paradoxo dos paradoxos, concorrer depois à sua presidência (!!!)

    E quero acrescentar o seguinte: esta pessoa não tem qualquer moral para falar do BPN, se o que acima está escrito estiver confirmado.

  11. almajecta diz:

    a palavra Coimbra, nem a FDU teem o peso que tiveram, muito menos a amparo, a 33 , a predilecta nem a avó quanto mais o atleta. Mudam-se os tempos mudam-se as universidades.

  12. Carls vidal. Pelo que vi, o PSD está a contar com o seu voto.

    Grande esquerdista que o CV me saiu.

  13. /me diz:

    Caro Vidal,

    Obrigado pelo esclarecimento, não tinha percebido bem. Pensei que o que está a vermelho fosse apenas um link.

  14. gui diz:

    kkkkkkk”” bando de doido …discutinduu politica…kkk” q brega ….
    nao briguem e nao discutem ..cabeça fria tem q ter neh vaital vc q é um “velho ” de idade jah ….parece ja nao estar sabenduu de nada ……vital nao esta na hora de aposentar nao?????????kkkk”’

Os comentários estão fechados.