A tragédia de Abruzzo

De um momento para o outro. Nas primeiras horas de ontem, tentando contactar os amigos. Tudo ok. Acordaram. Ouviram. À tarde os números sempre a aumentar.
E se fosse cá? Temo um dia ter razão.

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged . Bookmark the permalink.

1 Response to A tragédia de Abruzzo

  1. Camelo no buraco da agulha? diz:

    Não se deve temer ter razão, deve-se temer não a ter.
    Como não é coisa para um dia… mas para agora!
    Também há clubite Porto-Lisboa?

Os comentários estão fechados.