Eu, que busco Ratzinger e a música, pouco encontro (e o que encontro lixa-me os neurónios criativos)

js281
Este homem, primeiro-ministro do país que habitamos, falou ontém durante mais de 50 minutos num congresso!! Como é que foi possível? Quem escreveu o que ele leu? Quem conseguiu ouvi-lo? O que é que ele disse? Eu não o ouvi nem durante um único segundo. De novo, qual o conteúdo ou partes relevantes do discurso de J. Sócrates?
Já li o resumo do Tiago Saraiva (em baixo), resumo que eu não poderia fazer, porque não ouço J. Sócrates. Decisão irrevogável.
Em contrapartida, vou ao Youtube e só tenho direito a 42 segundos do Cardeal Ratzinger ao piano.
O sublime dura apenas 42 segundos!! PORQUÊ?
Por seu lado, J. Sócrates tem direito a 50 minutos nas TVs!!
Não tenho mais comentários a fazer, porque não ouvi J. Sócrates nem vou ouvir. Mas vou continuar a procurar imagens de Ratzinger, imagens como estas.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

3 respostas a Eu, que busco Ratzinger e a música, pouco encontro (e o que encontro lixa-me os neurónios criativos)

  1. helderega diz:

    O Carlos Vidal considera exagerado um discurso de 50 minutos? Então o que acha do programa de Hugo Chavez Aló Presidente! que atingiu a bonita marca de sete horas e quarenta e três minutos sem qualquer interrupção? E dos discursos de cinco horas de Fidel Castro? Foi um fartote, aquando da cimeira Ibero-americana no Porto, o homem no palco a discursar e o pessoal com as bandeiras cá em baixo cheio de caimbras! Palpita-me que também lá esteve. E aí não se queixou (só as pernas se queixaram).

  2. Carlos Vidal diz:

    Não, caro hederega, não percebeu e eu também não fui explícito.

    O meu problema (não sei se já se questionou sobre isso também) é outro: como é que é possível alguém a que ninguém reconhece nenhuma capacidade de variantes discursivas, ou capacidades intelectuais discursivas, de escrita e/ou literárias (ou melhor, questão de “escrita”, simplesmente), como é que esse alguém fala durante 50 minutos e outro alguém escuta. Como não vi, li que a sala foi-se esvaziando, ou já estava pouco preenchida de início. Aí já compreendo melhor. Não sei se o meu caro helderega compreende.

  3. CV anda lá fazer terapia para twitter… Como é que tu consegues aborrecer-te com o Socrates é que eu n percebo… Vou ler o teu Post da Art. Tá!

Os comentários estão fechados.