A Invenção do Terrorismo

untitled1

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

2 respostas a A Invenção do Terrorismo

  1. Carlos Vidal diz:

    É a ética protectora, caríssimo. Conhecemo-la bem.
    Primeiro, o medo. Depois, és instigado e convencido de que não sabes proteger-te nem cuidar de ti.
    Depois, vem a ética protectora estatista que diz garantir-te protecção. Mas não te garante – impõe-ta.
    Pena, mas não devo poder passar pela ZDB. Os trabalhos vão apertando.
    Forte abraço.

  2. Paulo Ribeiro diz:

    só agora me apercebi deste post e do respectivo comentário do inefável vidal. por acaso, tenho curiosidade de saber quanto o pcp paga ao vidal para escrever neste blog, afinal, o homem deve viver d’alguma forma, não? bom, continuando, o bruno, faz jus aquela expressão que nomes de peixe não significam saber nadar. não, o bruno não sabe nadar.

Os comentários estão fechados.