Haja gente com coragem neste pântano em que se tornou Portugal!


O Luís Rainha já lhe fez referência. Na sua habitual crónica no «Jornal de Notícias», Mário Crespo bateu forte e feio no Governo. No «Jornal de Notícias», repare-se – nada menos do que o órgão oficioso do regime.
Pela coragem e pela lucidez, ainda para mais em terreno inimigo, só temos de lhe agradecer. Haja mais gente assim neste lodaçal e nem tudo estará perdido.

ADENDA: Manuel António Pina é outro desses bravos que merece ser aplaudido pela coragem que demonstra diariamente no «Jornal de Notícias».

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

15 respostas a Haja gente com coragem neste pântano em que se tornou Portugal!

  1. Chari Chari diz:

    Ricardo,

    Tens que ter cuidado- com tanto ódio ainda sucumbes antes do tempo. Utilizar o 5dias para lavar o fígado até que pode atenuar essa maleita. Mas melhor seria se não tivesses medo de ser avaliado como professor. Vence esse medo e vais ver que passas a ser mais feliz.

  2. helderega diz:

    Para veres a coragem do homem, vê a entrevista que fez a AJJ. Aquilo é que é uma coragem, até metia medo, o AJJ borrou-se todo!
    Olhando para o título do post e para a fotografia deu-me uma cegueira de riso difícil de conter.
    É muito divertido ver o Blasfémias e o 5 dias unidos em torno desta personagem, ainda por cima a propósito de um artigo de baixo nível.

  3. Santa paciência, mas isto representa o jornalismo tablóide, a sacrossanta procura de audiência, o imediatismo pornográfico.
    E talvez represente a baixaria jornalística de quem tenta, a todo o custo, arranjar “buzz” que o aguente.

  4. Ricaaarrrrrrrrrrrrrrrrrrrrdo. Como é possssssssssssssívellllllllllllllllllllllllll?
    2 chonés no 5dias – tu y o rainha – isso foi do jogo, não? Foi. Foi.
    Já agora: Porque é que o Ricardo Carvalho não foi convocado?, posso saber. Isso sim é que valia um post.

  5. popo diz:

    Tem juízo, Ó Carlos Teixeira. Jornalismo é jornalismo, não é um tratado da Academia das Ciências.

  6. Sérgio diz:

    “jornalismo tablóide”

    sim. claro. mas e o pseudo “j’accuse”? já é bom jornalismo?

  7. Luis Rainha diz:

    Divertido? Porquê? Será o “Blasfémias” uma leprosaria que suja quem lhe toque? Exceptuando o caso peculiar do João Miranda, há alguma razão para o que ali se escreve esteja sempre errado?

  8. Carlos José Teixeira
    Uma grande paródia aqueles chazinhos Congestivos depois do Jantar, não é? … Estes moços do 5dias parecem uns tarados que ao ver uma garota gira de mini-saia ficam logo apardalados.
    Dps, isto é um País de Manutenção.

  9. Chari Chari, não é preciso fazer ataques pessoais y parvos ao moço, né? Assim, até parece que n tens nada na cabeça para dizer, parece conversa de velha de postigo. Y eu já te vi na argumentação, logo n precisas desse mau-azedume. vale. ( pq sim. n é estético!!)

  10. LR. ?? Aquilo é mesmo pornografia emocional. Ora. è mesmo uma risota pegada. Aquilo é Jornalismo Paranoide.
    O João Miranda tem piada. Mesmo ontem no Twitter o pessoal todo a cascar na sexualidade do Salazar ( eh ehe ) Y o gajo a falar das dívidas do Salazar … Vê-la a paródia …

  11. Vê lá a paródia.
    Realmente LR. Já estou como o POVO depois da linda entrevista ao AJJ ( Y não foi pelo AJJ, claro, esse homem pelo menos é coerente y não se verga. É bo-ni-to ver alguém que n se verga, memorizemos!). Bem, dizia o POVO despreza aquilo, só pode ter dó. Y perguntar mas o homem está numa patinação de identidade. Y tal y qual o Júlio Isidro a Televisão subiu-lhe pelo corpo acima, y agora exorcizar a TV no corpo daquela gente, nem com 3 Papas Exorcistas.

    • Ricardo Santos Pinto diz:

      Só mantenho reservas no que diz respeito à revelação das conversas com o Ministro. Mas como não sei em que circunstâncias é que essas conversas decorreram, não me pronuncio.
      quanto ao resto, o «Jornal de Notícias» paga a Mário Crespo para ele dar a sua opinião. Ali, ele não é bem um «pivot». Podem é não gostar das opiniões dele, o que é diferente.

  12. Carlos Vidal diz:

    Parece-me importante a revelação das conversas com o ministro.
    Não sei quem teria legitimidade ou ética ou outra coisa qualquer para o fazer. Mas é importante saber o que se passou. Bem ou mal, ainda bem que o sabemos.

  13. LAM diz:

    Entre a Câncio e o Crespo venha o Pinóquio e escolha…
    Mas p.f. não metam o Manuel António Pina neste caldo nem o confundam com qualquer das personagens citadas.

  14. Maria Velho diz:

    Ricardo

    um favor(zinho)? Não misture o Mcrespo com o Manuel António Pina!
    Fica-lhe mal! Muito mal.
    Opinião de uma colega, em muitas ocasiões, solidária com as suas “ruminações”.

Os comentários estão fechados.