Grande debate na RTP

theirmastersvoice

Sobre Nuno Ramos de Almeida

TERÇA | Nuno Ramos de Almeida
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

7 respostas a Grande debate na RTP

  1. Depois de ter assistido a 2h de CR7, não me parece que o assunto hoje discutido nos Prós & Contras tenha necessariamente descido de nível, apesar de existir quem goste de ver o assunto escarrapachado nos títulos dos jornais revelando fetich para franco-atirador.
    http://planetaspolitik.blogspot.com/2009/02/pros-contras.html

  2. Nuno Ramos de Almeida diz:

    Bruno Planetas,
    Ajudava a pluralidade que no painel principal houvesse alguém com opiniões diversas. A ideia de um debate deve ser contrapor visões diferentes, não abrir uma lavandaria. Neste debate sobre o Freeport aqueles que têm opinião diferente estão na plateia para testemunharem a grande lavagem oficial.

  3. Sinceramente, são todos, ou fracos de cabeça, medrosos, repetem frases feitas, lugares comuns….enfim uma grande e autentica seca!!

  4. Luis Moreira diz:

    Isto ultrapassou tudo o que é decente.Eu,que ando aqui a dizer há bastante tempo o mesmo que eles disseram ali, ou parecido, teria dificuldade em juntar-me à lavagem.Duas ideias importantes.A Justiça em conjunto com Partidos e a CS estão a descredibilizar o Estado de Direito.Os índices adiantados pelo Politólogo são de estarrecer quanto ao que as pessoas pensam desta Democracia!

  5. Qd precisar de advogado vou buscar aquele sr. do nariz … como é que ele se chama??
    ………
    Estava a dormir, ou parece que aquela carta rogatória é coisa possivelmente forjada???? Seria lindo,não?

  6. Camelo no buraco da agulha? diz:

    Mas o ex-Secretário de Estado disse que no tal dia 17 de Janeiro estava em Tóquio e o ex-Presidente da Câmara de Alcochete (que nunca foi ouvido pela PJ) disse que havia erros acumulados em termos de PDM/ZPE e que houve toda uma beneficiação do local.

  7. mlk diz:

    Os três podres (poderes)independentes!
    Estado de Direito

Os comentários estão fechados.