Kanouté

“Ontem à noite, no jogo que opunha o Sevilha ao Deportivo de la Coruña, o avançado maliano Kanouté – considerado o melhor jogador africano em 2007 – dedicou o seu golo à população de Gaza. Pela sua solidariedade com uma população massacrada, recebeu um cartão amarelo.”

via Spectrum

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

8 respostas a Kanouté

  1. JDC diz:

    Que comentário mais demagógico e despropositado. Há já muito tempo que os regulamentos da FIFA não permitem a exibição de mensagens de qualquer teor (nem que seja Amo-te Mãe) nas camisolas interiores dos jogadores, sendo exibido o cartão amarelo sempre que assim aconteça. Pode-se discordar dos regulamentos da FIFA, mas encarar a acção do árbitro como repressão ao gesto de solidariedade do jogador é ridículo.

  2. Tiago Mota Saraiva diz:

    O árbitro perdeu uma boa oportunidade de também demonstrar solidariedade.

  3. JDC diz:

    O árbitro até podia ser palestiniano, o problema é que não o pode fazer por questão técnica. O incumprimento das regras pode dar até direito a repetição do jogo!
    No entanto, gostava de concordar consigo, acho ridículo que os jogadores não se possam expressar de forma tão inofensiva como levantar uma camisola. Julgo que a regra existe por uma questão de direitos de imagem e publicidade…

  4. Tiago Mota Saraiva diz:

    JDC, julgo que este regulamento da FIFA é exactamente para precaver este tipo de “incidentes”.

  5. A FIFA, esse grande satã.

  6. Curioso. Nunca vi os atletas de cristo levar amarelo por mostrarem t-shirts a dizer “Jesus loves you”. O Káká por exemplo, não perde uma oportunidade.

  7. filinto diz:

    Actualização:
    Real Federação multa-o em 3000 euros
    http://www.soitu.es/soitu/2009/01/09/actualidad/1231524857_992966.html

  8. Francisco diz:

    O jogador de futebol sabe que sua imagem é importante e usá-la para chamar a atenção de fatos ou crenças é justificável. Por quê um jogador pode desfilar em sua camisa site de jogos, telefone, bancos, etc… mas não pode usar, por segundos que seja, para passar mensagens não comerciais. Parabéns ao Kanoute e pena que nem todos adotem o mesmo gesto.

Os comentários estão fechados.