Natal no Vaticano?

Que diria Jesus Cristo se viesse cá abaixo comemorar este seu aniversário e lesse o que tem vindo a ser dito em seu nome?
O patriarca dos putativos herdeiros de Cristo arvora-se em supremo jardineiro, proclamando que somos como uma floresta tropical, ameaçados que estamos pelas chuvas ácidas dos que não sentem nem vivem como “nós”. Os que ousaram separar-se de uma tal “natureza” (será um heterónimo de Deus?), como se a homossexualidade fosse uma opção consciente pela transgressão, um estilo de vida talvez até ditado por caprichos ou modas. Como se não fosse comum na tal santa Natureza ver inocentes bichinhos em práticas homossexuais.
Há meses, o cardeal Zenon Grocholewski, chefe da Congregação para a Educação Católica, já tinha esconjurado a homossexualidade como sendo uma “ferida”. Uma chaga aberta nas almas e nas vidas de quem carrega a suprema culpa de ter nascido diferente – ainda e sempre o mesmo maldito adjectivo – de “nós”.
Imagino Cristo, o tal que se dava com prostitutas e entrava nas casas dos leprosos, a chegar aos templos do Vaticano e tratar logo de correr a pontapé com aqueles vendilhões de santidade. Aí sim, este iria ser um santo e feliz Natal.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

3 respostas a Natal no Vaticano?

  1. Luís, não tens amigos Judeus, pois não? Pois. Sabias logo o que é que eles chamam ao Jesus. Ao jesus y aos 12 amiguinhos.

  2. Bem! Nesta estória toda ficamos a saber: Deus Não Tem Netos!

  3. Dinho diz:

    Tendência homossexual é uma falha da natureza, assim como nascem falhas de outros tipos como pessoas com braços a mais ou a menos , duas cabeças , etc. É realmente uma situação lamentável e que merece socorro, auxílio e compreensão de todo jeito e de todos. Agora, não querer emendar-se e sim querer pregar isso ao mundo como uma opção desejável de vida , é querer corromper o que é sadio; é como um aidètico, que em vez de buscar ajuda, sai por aí querendo contaminar todo mundo. É realmente um Risco para a humanidade. Então o papa está certo em esclarecer as coisas.

Os comentários estão fechados.