Gosto. O bom, o mau e a ocasião

Ora vamos lá. Esta é estreia absoluta em blogues e a culpa é do Nuno Ramos de Almeida. Está dito.
Começo por dizer que o anunciado ”duvidoso gosto musical” é um pouco como a morte do outro, uma notícia claramente exagerada, digo eu.
E não, não pertenço a essa imensa massa que diz gostar de tudo dependendo da ocasião. Não gosto. Não gosto de tudo. Não gosto da frase, e se insistirem muito, nem da ocasião gosto.
Agora, e para recolocar alguma sanidade, permito-me chamar a atenção para mais um capitulo na carreira do brasileiro Ed Motta. Chapter 9, é o novo disco (gosto de dizer disco) e é totalmente composto e tocado pelo músico brasileiro e disponibilizado gratuitamente no site da editora.
A isto chamo uma bela ocasião para descobrir, se for o caso, confirmar se já conheciam, o talento deste brasileiro do qual eu gosto. E gostos discutem-se seja qual for a ocasião.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

7 respostas a Gosto. O bom, o mau e a ocasião

  1. Luis Rainha diz:

    Pode mesmo dizer-se que o único gosto que não se discute é o da merda, sobretudo por tão pouca gente querer admitir que já a provou.

  2. Bem-vindo, Filipe Gomes. Bom começo. Estou a imaginar-te a hipnotizar-nos com as escolhas da semana e a desordem dos dias.

    Abraço,
    Nuno

  3. Pedro diz:

    Como diria o Pessoa, nunca conheci um homem que tivesse comido merda.

  4. Sérgio diz:

    Apesar de, julgo, me situar nos antípodas do gosto musical do Filipe, não podia concordar mais com a posição do Filipe em relação à Musica.
    Já não há mesmo pachorra para o “gosto de tudo, oiço rádio” ou “adoro música mas não me perguntes nenhum nome”.

    Espero conhecer aqui bastantes nomes, sobretudo fora das sonoridades que mais aprecio.

    Boa sorte.

  5. Model 500 diz:

    No primeiro post recomendar Ed Motta não é lá muito promissor, convenhamos. É certo que podia ser bem pior. Mas querendo-se começar pelo Brasil recordar os clássicos Azymuth seria seguramente mais auspicioso. Em todo o caso, aguardemos.

  6. Ricardo Santos Pinto diz:

    Se é para vires falar de música, não vale a pena.
    Estou a brincar. Podes ficar. Posso é não ler os teus posts.

  7. Marta diz:

    Afinal o homem até tem muito bom gosto!

Os comentários estão fechados.