Kings of Comedy

O episódio de hoje dos “Contemporâneos” não deixou dúvidas: esta malta está anos-luz à frente de tudo o que se faz ou fez no humor cá da terra. Do supremo gozo do casamento de ciganos gay ao espontâneo que fala em “homens com discriminação”, passando pela imitação de Chávez e pela auto-ironia mordaz, tudo aquilo é mesmo do melhor.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

11 respostas a Kings of Comedy

  1. à parte não ter sido o episódio de hoje…

  2. Luis Rainha diz:

    De hoje, que deu hoje, whatever.

  3. Bem. Já justificam o Ordenado mínimo… mas n me convencem a rodos.
    O Rogéria só alcança medade …

  4. Comendador diz:

    “O episódio de hoje dos “Contemporâneos” não deixou dúvidas: esta malta está anos-luz à frente de tudo o que se faz ou fez no humor cá da terra. ”

    Quem carrega a bandeira do humor português, feito com coragem e quebrando com tudo o que já se tenha visto antes, a anos-luz dos Gatos e dos Contemporâneos são os irmãos do programa “Vai Tudo Abaixo” da SIC Radical, no cabo. Estes têm na bagagem personagens como “Black Skin”, “Machista Gay”, “Algorianos” e muitos mais que são comparáveis apenas aos grandes “bonecos” que o Herman fez nos seus tempos dourados. A anos-luz dos rapazes da RTP1 e da SIC generalista.

  5. Nuno Góis diz:

    Não foi de todo dos melhores episódios, sendo que as partes em destaque no post (exceptuando o das discriminações) foram do mais fraquinho e básico que estes actores e autores podem e sabem fazer.

  6. LR diz:

    Nuno,
    Confesso que tenho andado a perder quase tudo (é no que dá ter uma casa cheia de miúdos). As tais partes foram a do casamento cigano (coisa corajosa nestes dias hipersensíveis) e uns segundos de imitação. A auto-ironia é coisa por ali frequente. Nada disto é “básico”.

    Comendador,
    Nisto do humor, cada cabeça cada sentença, está visto. Mas o “Vai tudo abaixo” só sofre um pouco pela omnipresença constante das mesmas personagens. Por vezes é desopilante, mas a frescura, a sensação de inesperado já escasseia. Com ou sem “naked cowboy”.

  7. CD diz:

    ainda estou para descobrir qual é a piada do vai tudo abaixo…

  8. Dinis diz:

    Por amor de Deus…!!! 4o e tal minutos de programa, 2 de humor?!!
    Que proporção…o programa irrita porque precisamente se denota que há ali potencial desperdiçado. As palavras chave são: potencial, talento, desperdício, confrangedor.

  9. Pois… parece quem houve quem não gostasse do “casamento gay cigano”

  10. o que eles querem é vestirem-se de gajas!!!
    até enjoa cum caraças!

Os comentários estão fechados.