O Luís Lavoura tem sempre alguma razão

…ou não fosse ele físico teórico. Aqui se confirma:

“Comentário de Luis Lavoura
Data: 27 Junho 2008, 12:44

O Filipe Moura ganha facilmente a aposta.

De facto acho que nao faz sentido nenhum a Fernanda (e nao so) estar
neste blogue na companhia de comunistas mal reciclados como o Nuno
Ramos de Almeida ou o Filipe Moura. E que, se o objetivo da Fernanda e
defender os direitos e liberdade dos homossexuais, nao precisa de
andar em tao mas companhias, nos no Movimento Liberal Social tambem o
fazemos. A diferenca e que somos a favor da liberdade na sua
totalidade. Nao somos apenas a favor da liberdade de uma pessoa
namorar com quem quiser, somos tambem a favor de ela poder arrendar a
sua casa a quem quiser e ao preco que quiserem combinar. Acho que faz
sentido ser coerente.

A Fernanda pense bem.”

Agora de facto o Luis nunca tem toda a razão. Neste caso, quando afirma que o objectivo da Fernanda Câncio é defender os direitos dos homossexuais, assim, como se fosse o único. São extremamente injustas as pessoas que afirmam que a única causa da Fernanda é o casamento dos homossexuais. Conforme se confirma pelo seu primeiro texto no novo blogue Jugular, a Fernanda tem não uma mas duas causas na vida: o casamento dos homossexuais e o aumento das rendas de casa.
(Fernanda, um dia gostaria de voltar a encontrar-te, e que então me explicasses como podes pôr no mesmo texto as palavras “igualdade”, “senhorios” e “inquilinos”. “Igualdade”, “senhorios” e “inquilinos” são três coisas incompatíveis, pelo menos na minha limitada cabeça.)
Despeço-me dos meus companheiros do Cinco Dias: foi um grande prazer conhecer-vos e espero que a gente se continue a encontrar por aí. Saúdo os membros do novo Jugular. (Saravá companheiro Vasco. Ana e Maria João: acreditam que o café da Dona Maria foi trespassado? Vi isso quando passei por lá noutro dia.) Vou continuar a ler-vos com prazer, e com certeza que haveremos de partilhar outras lutas no futuro. Até lá, eu continuo do avesso do avesso. E quem vier atrás que feche a porta.

Este artigo foi publicado em cinco dias and tagged . Bookmark the permalink.

11 respostas a O Luís Lavoura tem sempre alguma razão

  1. Milu diz:

    Afinal quantos ficam e quem fica?

  2. Coelho diz:

    O Ivan Nunes

  3. Dinis diz:

    Naaaaõooooo! Por favor….Não se vá embora Filipe! O que será de mim, seu fã número 1 sem as suas “opiniões”. Naaaaõooo!

  4. Luis Moreira diz:

    Eu já estou a Jugular!

  5. Lamento acrescentar que a Fernanda leva consigo comunistas não reciclados, já agora – dos que também acreditam que o casamento gay é uma questão de liberdade E de igualdade.

  6. Nuno Ramos de Almeida diz:

    Inês,
    Está explicada a foto: é a fernanda a levar uma data de gente. O teu pressuposto é que os outros todos são contra o casamento gay.
    Olha, de qualquer forma, felicidade e tudo de bom para ti.

  7. PJMODM diz:

    Nuno Ramos de Almeida, António Figueira, Luís Rainha, Filipe Moura, Ezequiel espero que continuem neste ou noutro sítio, será uma pena que apenas os magalhãesitos tenham voz, que haja quem faça manguitos ao poder.

  8. m diz:

    Eu ajudo à explicação de igualdade , senhorios e inquilinos : sou inquilina e em nada me sinto inferior ao senhorio , presta-me um serviço que eu pago por um preço que considero justo. A minha única preocupação relativamente à minha habitação é pagar a renda ; o resto das chatices é com ele. E do ponto de vista da economia , prefiro pagar ao particular que vai gastar o dinheiro ou poupá-lo , aqui na terra , que aos chupistas dos bancos para alavancarem até à estratosfera.
    E mais , nunca percebi como pessoas que compram apartamentos ( e até vivendas) e as usam , pensaram algumas vez que o valor de uso não contaria na hora de vender e que aquilo era só valorizar ( foi assim que chegámos aonde estamos até , não foi?)
    Também tenho familiares que são senhorios e aquilo é para lá carradas de chatices :paga , não paga , despeja , não despeja , imi que até falta a respiração , obras .. é pá , passo.

  9. tric diz:

    “a Fernanda tem não uma mas duas causas na vida: o casamento dos homossexuais e o aumento das rendas de casa.”

    tem que acrescentar, a causa Socrates!!!

  10. pcarvalho diz:

    Ainda comentas gajos representantes da barabárie e que têm vergonha de se intitularem de FASCISTAS?movimento liberal social.Não é esta gente que pedia menos estado?<E,ainda saem debaixo do húmus pra botar faladura podre?esse luis lavoura é das coisas mais reaccionárias,mais beatas,mais batoteiras q já vi a vomitar as suas opiniões mafiosas.

  11. mas será que é assim tão díficil de perceber quea F. não está a lutar pelo aumento das rendas mas sim pela redução das rendas?
    é que enquanto houver as leis de arrendamento que há, as milhares de casas bloqueadas com rendas de 5 tostões e inquilinos que já são bisnetos afastados dos originais arrendatários mais o processo kafkiano de autorização de arrendamento ninguém de seu perfeito juízo vai arrendar as casas que possa disponibilizar!!
    é uma simples questão de bom senso… se não há oferta o preço sobe! se a oferta aumentar o preço desce.. creio que não é preciso nenhum doutoramento em economia para apanhar tão simples lógica não?

    e quanto à igualdade entre inquilino e senhorio, creio que a simples questão de igualdade entre cidadãos consagrada na Constituição deveria chegar não? ou temos agora cidadãos com mais direitos atribuidos por Deus (inquilinos) e uns quaisqueres estrangeiros a Esparta sem opinião nem direito de voto?(senhorios)?

Os comentários estão fechados.