Dúvida poética

Li isto – “Perante a catástrofe iminente, aqueles mesmos que reclamavam, há poucos meses, menos Estado, mais privatizações, recorrem agora ao Estado, com total desfaçatez, isto é: ao dinheiro dos contribuintes. Privatizam-se os lucros e socializam-se os prejuízos – essa parece ser agora a regra.” (Mário Soares, “Diário de Notícias”, 23-09-2008) – e perguntei-me: Será que um dia, quando chegar à velhice, José Sócrates também vai dar em socialista? (Vendo bem as coisas, é uma hipótese laica de jogar a aposta de Pascal, e de preparar a alma para o big sleep que se avizinha – de borla, ainda para mais).

Sobre António Figueira

SEXTA | António Figueira
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

4 Responses to Dúvida poética

Os comentários estão fechados.