O que poderá ser pior do que estar a banhos em Armação de Pêra?

Talvez ser lá mordido por um peixe-aranha. E pior do que isso? Só sair aos berros da praia e dar de caras com uma coisa chamada «encontro pedagógico». Mas quem terá inventado tal nome? E, pela descrição do evento, nem parece ter tido metade da graça de uma boa sessão de dinamização cultural à moda antiga.
Uma infestação de peripatéticos pedagogos estivais pode fazer uma praia perder a sua amada bandeira azul…

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

2 respostas a O que poderá ser pior do que estar a banhos em Armação de Pêra?

  1. fox diz:

    Pois, colonizar referindo-se a pessoas, não será o mais adequado mas, que mais pretendem por aqui os escribas do que fazer pedagogia, aliás da mais cínica, em prol dos próprios interesses?
    Aquele PREC ainda lhes está atravessado no gasganete…

  2. Cátia diz:

    Colonizar naquele vídeo trata-se de uma metáfora.

Os comentários estão fechados.