Depois da tragédia de Leiria

Oferece-se-me dizer:
Que é nosso querer, poder só isto:
O inteiro mar, ou a orla vã desfeita –
O todo, ou o seu nada.

Sobre António Figueira

SEXTA | António Figueira
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

2 respostas a Depois da tragédia de Leiria

  1. S.Cintra diz:

    coitade do meu sporten

  2. zeca diz:

    Qualquer cois(inh)a… o mar raramente… a orla mormente (infeliz-mente).

    Quem não se sente… (aquilo) não é boa gente 😉

Os comentários estão fechados.