E lá segue a tocha olímpica pelo mundo fora…

Espalhando paz e concórdia.

Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

4 respostas a E lá segue a tocha olímpica pelo mundo fora…

  1. M. Abrantes diz:

    Há uma parte do mundo que não compreende nem merece a Chama Olímpica. E não se reduz à China.

  2. FuckItAll diz:

    Bom post, Luís. Mesmo achando que, no que toca à China e aos direitos humanos, só se perdem as que caem no chão, não consigo deixar de sentir que se está a atacar o símbolo errado. Muito errado, para não dizer contraditório.

  3. mariadosol diz:

    Concordo com comentadores anteriores. A chama olímpica é usada. Não vou discutir se bem ou mal, mas chateia-me esta coisa de atribuirem ao desporto, aos seus símbolos e ícones, misérias que são de outros campeonatos. Nego as misérias do desporto? Não… mas que este tem as costas largas, lá isso tem. Mais… Só “algo” (desde o Ambrósio da Madame que esta palavra me soa muito mal) muito fundamental resiste a tanta incompreensão, pedantismo intelectualóide e aproveitamentos de toda a espécie e feitios… Devíamos agradecer a possibilidade que o desporto proporciona para chamar a atenção para problemas importantes, nomeadamente porque mobiliza à escala planetária. Atacar o “mensageiro” é isso… “confundir o cú com as calças”, passe o plebeísmo da expressão. (Se extrapolei peço antecipadamente desculpa)…

Os comentários estão fechados.