OPA metafísica

Maçonaria desaloja Opus Dei do BCP? É a vitória do milénio?

Sobre Nuno Ramos de Almeida

TERÇA | Nuno Ramos de Almeida
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

9 respostas a OPA metafísica

  1. Model 500 diz:

    Não percebi muito bem: é a vitória do milénio ou do millennium?
    Boas Festas

  2. MIMI diz:

    Se formos gamar um banco,vamos presos como grandes criminosos.Contudo,se o gamanço for inner circle são irregularidades,ilegalidades e eu,nunca vi esses gajos atrás das grades.É assim a Democracia?Atão, não me f**** a contar estórias da carochinha e do bandido a roubar o banco;por ele ser das classes baixas é que é um grande bandido,caso contrário é um géstôr…

  3. joão diz:

    Se não é isso parece…

    Agora que temos o vara no millenium… a coisa está composta…

    quem se seguirá na caixa…

    tenho um vizinho meu, com a mesma formação que o Armando, que me pediu para lhe enviar curriculum…

    Este 5 dias está muito melhor nesta época natalícia…

  4. Carlos Fonseca diz:

    Que ignorância! A Opus Dei e a Maçonaria há muito firmaram um protocolo irrevogável, que nem secreto é. Uma das cláusulas estabeleçe que, em casos de fracassos de uma das partes, a outra avançará sempre com os seus nomes para funções em que a entidade parceira se envolva sob complexidades ou situações de porte infeliz (sim porque apenas de infelicidade se trata), sobretudo se socialmente notórias. Tal cláusulado de cooperação, de resto, é muito extenso e de largo alcance. Um exemplo dessa estreita cooperação: O Jardim Gonçalves (Op) foi apoiante de Mário Soares (M). Ou estou enganado ?
    Se a PGR, a PJ ou outra instituição de investigação policial ou jurídico-criminal detectasse o verdadeiro labirinto de ‘concursos, adjudicações e contratos públicos’ – repito investigar a verdade pura, profunda e séria, como diria o maçon Cravinho – a sociedade portuguesa sofreria o maior tsumani político da história lusa (é uma história minúscula, obviamente). Seria uma espécie de ‘caso CASA PIA’ elevado à enésima potência. A população do País enfrentaria a síndroma da ‘loucura colectiva, uma epidemia de vacas loucas de carácter humano’. E os grandes e iluminados líderes, seriam encanados numa unidade prisional de 5 estrelas, equipada com suites, sauna, massagens e duche escocês – ao fim e ao cabo, o estatuto de cada um conta e muito. No fim de cada tratamento seria distribuído um creme da ‘Vichy’ e uma ‘eau de toilette’ da Givenchy.
    Tudo isto é um sonho de uma tarde inverno, que poderia ser escrita a letras de ouro e prata por Felícia Flores e Moita Cabrita. Eu, anónimo cidadão, estou condenado a usar o urze e a lama, como definem os cânones para a populaça, definidos por essas insituições que pensam e pedem por nós (OD e M bem hajam!).
    Viva o Jardim (Gonçalves, diga-se), o Pinhal, o Vara, o Coelho, o Nobre Soares e muitos outros que, nesta fase da nossa vida, nos pastoreiam nos campos da fecilidade suprema, benzidos por generosos sacrifícios ‘ciliciosos’ e penitências ‘socráticas’, que a luz divina e o maço do pedreiro-livre esculpem, com cinzel único, ao mesmo tempo sacro-santo e sacro-herege.
    Que belo ser português aqui e agora, e em todos os milénios vindouros!
    Vila o famoso Millennium, este Milénio e todos os outros que abençoarão os herdeiros desta Pátria impoluta, que nos aglutina sob o manto diáfano do divino e da heresia !

  5. RN diz:

    Uma síntese perfeita!

  6. venha o diabo e escolha.

  7. ernesta diz:

    A vitória só pode ser da Nova Rede…

  8. Zorro diz:

    O Carlos Fonseca dá um bom palpite, mas está muito frio, isso é muito fácil, é o que querem que leia. Veja esta simples lógica, quem é passou por Macau ? Meus caros, cavem por aí, mas rápido, o laço está mais que feito. Podem confirmar.

  9. maremoto diz:

    Bem, será isso a face igual de moeda diferente? Não!Claro que não, a moeda é igual – a boa moeda, entenda-se – as faces é que mudam, como o jogo das luas.

Os comentários estão fechados.