Filipe Moura: Parabéns, Santana Lopes

Há muito que penso que a televisão portuguesa é o melhor retrato do nosso país, com os seus vícios, entre os quais está uma absoluta falta de respeito pelos espectadores e convidados. Nada funciona como deve ser. Nada do que é prometido é cumprido. Ninguém leva nada a sério, e ninguém parece importar-se minimamente com isso. Pelo contrário, quando o governo tentou, através da única forma que podia (uma lei) regular minimamente o sector, só se ouviram vozes a condenar este “autoritarismo” e esta interferência na “liberdade” (já cá faltava!) dos programadores de televisão, quando não se falava mesmo, vejam bem, num “regresso da censura”! Pois bem, esta política de “toda a liberdade” e nenhuma responsabilidade perante a sociedade (só perante os patrões) dos programadores de televisão deu nisto: um antigo primeiro-ministro estava a ser entrevistado e é interrompido para transmitir em directo a chegada de um treinador de futebol. Não importa se são o pior dos primeiros ministros e o melhor dos treinadores de futebol (que são – e nenhum deles tem culpa nenhuma do sucedido ontem); o que conta aqui é o respeito, a seriedade. Que nós já sabíamos não existirem nos canais generalistas; o que ficou ontem patente foi que tais hábitos infelizmente já se estenderam mesmo aos canais pagos. Por isso eu tenho que dar os meus parabéns a Pedro Santana Lopes pela sua atitude.
Mais tarde, numa declaração, responsáveis da SIC classificaram como “perfeitamente normal” a interrupção feita a Santana Lopes. Aqui tem toda a razão a SIC: num país a sério, tal interrupção nunca seria normal, mas em Portugal com certeza que é. O problema está aí.

Sobre Nuno Ramos de Almeida

TERÇA | Nuno Ramos de Almeida
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

23 respostas a Filipe Moura: Parabéns, Santana Lopes

  1. nick name lopesic diz:

    TV The Drug of the Nation.

    Foi o Dr. Pedro Santana Lopes que interrompeu a emissão. Ou interferiu?

  2. pedro oliveira diz:

    É isso mesmo, parabéns PSL!

  3. Luís Lavoura diz:

    Concordo totalmente com o Filipe Moura. Só um pequeno reparo: aquilo que fizeram ao Santana Lopes é uma ofensa que nada tem a ver com o facto de ele ter sido primeiro-ministro. É uma má-educação o que lhe fizeram, e, sendo uma má-educação e uma grosseria, é injustificável, mesmo que Santana Lopes jamais tivesse sido primeiro-ministro. Santana Lopes fez aquilo que qualquer convidado de qualquer televisão deveria ter feito no lugar dele.

  4. Luís Lavoura diz:

    Portugal é hoje em dia um país das mais amplas liberdades, que é como quem diz, das mais amplas más-educações, faltas de civismo, e grosserias. Desde a pessoa que convida outra para almoçar e depois passa o tempo todo à mesa a falar ao telemóvel com outra pessoa qualquer, sem ligar ao conviva, passando pela pessoa que estaciona o carro em segunda fila para ir almoçar ao restaurante, esperando calmamente dentro do restaurante que o automobilista que ficou “tapado” buzine para que o deixem sair, Portugal é um país das mais amplas liberdades. Alguns governos vão tentando colmatar com leis a grosseria dos cidadãos, mas parece que não dá., mesmo. A ampla liberdade subiu completamente à cabeça do povo português, transformando-se mo mais completo desrespeito por todas e quaisquer regras de boa educação ou civismo.

  5. João José Fernandes Simões diz:

    Sobre este assunto e por economia de esforço, até porque o personagem em questão não merece mais, reproduzo aqui fragmentos “interrompidos” do que foi comentado noutro blog:
    “…
    ««ainda gostava de perceber que “mal” é que o PSL fez ao comentador “js” ???»
    Claro que não vou explicar, porque, apesar de não gostar dele, tenho o bom senso, ou procuro ter, de não me alargar em comentários que possam ser ofensivos para o PSL, aliás Pedro Miguel de Santana Lopes (com “de” ou sem “de” porque já vi os dois casos), mas deixo-lhe uma ideia para pensar no assunto: é que tenho alergia ao seu “mel”.
    E o comentário pretende ser meramente político.»

    «Diz JPP, no Abrupto: «Por uma vez concordo com Pedro Santana Lopes: interromper uma entrevista política com um não-evento, sem notícia, nem conteúdo, merece esta resposta».
    Note, “pézinhos…”, o JPP que, certamente, conhece o PSL melhor que eu e é da sua área política, diz “por uma vez”.
    Mais, em alguns blogs, a atitude de PSL, embora considerada justificada, tem um “mas”, quando acrescentam que era “escusado” quando disse para justificar a sua atitude (com a qual concordo, repetindo o que já comentei acima) que estava ali “com sacrifício pessoal”, e disse esta frase por duas vezes.
    É neste argumento que sustento o comentário acima, quando digo que «… cá o meu dedinho está-me a dizer que não foi genuíno…”.
    Mais, logo veio dizer à Lusa que já estava a receber telefonemas de apreço pela sua atitude… e na política nada é ingénuo e esta cena triste por parte da SIC veio mesmo a jeito para o PSL subir uns pontitos… de que bem anda a precisar.»

    «Ó se eu conheço JPP, e se o admiro. Foi também meu professor na Faculdade, na qual tb fui aluna de Paquete de Oliveira.
    Todos os alunos gostam de JPP e das suas aulas. O homem é uma enciclopédia ambulante. Super interessante, ouvi-lo.
    Curiosamente, JPP não goza da mesma simpatia, no mundo da blogosfera, como bloguer.
    De facto, o contacto pessoal é imprescindível, para se formar uma imagem verdadeira e portanto correcta, de uma pessoa.»
    Diz bem, JS, na política nada é ingénuo. É claro que, PSL sabe que ganha créditos, ao fazer esta mise en scéne.
    Mas pergunto-lhe, e nos “media” será tudo ingénuo ? Claro que não ! Não é, JS ?
    Sobre a figura de PSL, goste-se ou não, é um histórico do PSD, fortemente conotado a Sá Carneiro, é carismático, mas provavelmente não será mais nada do que isso.
    Está escrito nas estrelas ….»

    ««Sobre a figura de PSL, goste-se ou não, é um histórico do PSD, fortemente conotado a Sá Carneiro, é carismático, mas provavelmente não será mais nada do que isso».
    Algumas das pessoas que “pézinhos…” refere ou as conheço pessoalmente ou tive o prazer de ouvir palestras suas no âmbito da minha vivência académica.
    E quanto ao PSL, porque o conheço pessoalmente, por muito más razões, e esforçando-me por ser objectivo, garanto que o PSL “não será mais nada do que isso”.
    Mas também não tenho dúvidas que a sua esperteza, tal como se aproveitou da “deixa” que a SIC lhe deu de borla, para um país onde muita gente gosta de “mel” esperemos que ainda não volte à ribalta, o que, também como disse uma vez o JPP na Quadratura do Círculo, “a sua passagem pelo Governo foi um comédia e o seu regresso seria uma trajédia”, ou ao contrário, mas o sentido foi este.
    Razões de natureza ética e de bom senso, já que a bufaria também anda na blogosfera, não duvide, não me permitem ir mais longe para lhe explicar por que “ainda gostava de perceber que “mal” é que o PSL fez ao comentador “js” ???”.
    Por isso, olhe, ficamos assim.
    E fazendo minhas as suas palavras, “tem pai ké cego …!!!”»

  6. topiscis diz:

    ……….além de outras coisitas é tb isso mesmo……os portugueses, quase todos sofrem da flatulêncisa do ” selfmademen ”
    Os cabos de industria, do comercio, os patos bravos da construção, os peixeiros, os resineiros, os madeireiros e outros brotaram filhos que estão em todas as actividades, instituições e profissões liberais, a flatularem, a flatularem….
    Cultiva-se, entre nós, o conceito do novo rico….
    Veja-se o fenómeno dos teleles, as viagens a credito, os ferraris e outras bombas.
    Atitudes de fachada pp dos lusos.
    Não importa ser o que importa é parecer.
    …. e depois é como nas empresas só se vê o activo.
    O passivo dos portugueses quase todos nas áreas da educação e do respeito pelos outros é superavit.
    Pois…talvez ir de penates a fátima ….
    …. em termos de cidadania o PSL esteve soberbo … parabéns

  7. Roteia diz:

    Doi, doi mesmo, dar razão Santana Lopes, porque ele a teve, formalmente. Mas é bom não esquecer que, para além dos cargos que exerceu, ele é um dos responsáveis pela “promiscuidade” entre política e futebol nos media. Esta coisa de comentar política e futebol, ora esta ora aquele, ao sabor das ambições mediáticas (e de ganhar uns dinheirinhos), dá que pensar. Aliás estou certo que Santana Lopes apenas aproveitou a interrupção da sua entrevista para melhor centrar sobre si as atenções. Aparentemente, o que ele conseguiu com a sua habitual astúcia e talento para a vitimização foi interromper uma já longa “travessia do deserto”. Toda a gente voltou a falar de Santana.

    E por falar em vícios, interrogo-me, se é normal que alguns senhores presidentes de câmara, se tenham tornado comentadores assíduos de futebol, ou de outra qualquer mundaneidade. Só para dar dois exemplos: Há pouco que fazer nas câmaras de Sintra e Santarém?

  8. Finalmente – ao fim de décadas de carreira política, Santana Lopes destaca-se pela positiva.

  9. João José Fernandes Simões diz:

    De topiscis: «em termos de cidadania o PSL esteve soberbo … parabéns»
    C’um caraças: “tem pai ké cego …!!!”»
    É mesmo!

  10. samuel mor diz:

    Parabéns, Santana, volta(?) estás perdoado!’… Mas não julgues que assim o país não vá a lado nenhum! Assim, – como diz o Manuel Correia no Puxa Palavra «é que o país (da SIC) vai mesmo a todo o lado!’.

  11. topiscis diz:

    …..o JJFS arrota e flatua…. talvez esteja no lote dos filhos de qq arroteador…
    in casu….. apenas vi o PSL como cidadão … pese embora a grandeza do JM nos media nenhum cidadão deveria ter o tratamento que o pSL teve ….
    apenas isso…….. não sou avençado e daí não esperar dotes..

  12. Matos diz:

    …Ó pás… afinal cal é a cegada?…
    …Pinto Balsemão VS Santana Lopes…
    …não tamos a falar da mesma … /… ???
    …Ná crise… ‘JOGAM TODOS EM CASA’!!!…

    P.S.: Estes (também) fazem parte da ‘comandita’ que tem (des)governado este país de à 30 anos a esta parte.

  13. João José Fernandes Simões diz:

    «…..o JJFS arrota e flatua…. talvez esteja no lote dos filhos de qq arroteador…»
    Ora essa! Arrotos e flatuações…!
    Este “assador” deve ter lido o livro da carolinapintodacosta.
    Ou então, só pode ser par… (esquece JJ, que ias a chamar parvo ao homem).

  14. Saloio diz:

    Concordo consigo.

    E penso que a PSL ainda vai acontecer o que aconteceu ao Dr. Cavaco: Portugal vai-lhe pedir desculpas de joelhos e rogar-lhe que ele regresse à politica activa.

    Aproveito para relembrar que PSL só foi corrido, quando quis que os bancos pagassem impostos como os outros contribuintes.

    Por fim, uma palavra em honra do Sr. Dr. Magalhães Mota, homem de convicções, dedicado, empenhado, correcto, leal e profundamente democrata.

    Hoje Portugal acordou mais pobre.

    Digo eu…

    Saloio

  15. Carlos Fernandes diz:

    Santana, o “menino guerreiro”, chorão e mimado!

    Meus caros, não vi a Sic notícias ontem, só vi este excerto aqui no youtube e li mais uns comments na Net, mas o que me pareceu foi (mais) uma birra do Dr. Santana e do seu enorme umbigo ofendido.
    O facto é que o Dr. Lopes foi um dos piores PMinistros que Portugal já teve, não interessa se do PSD do PCP ou doutro qualquer: era ministro contra ministro, etc., etc.
    O facto é que hoje o Dr. Lopes é um simples deputado, donde a SIC não estava a interromper o PM ou o PRépublica.
    O facto é que José Mourinho fez muito mais por Portugal e pela projecção de Portugal no Mundo do que o Dr. Lopes ou qualquer outro político da geração actual fará.

    E note-se, sou seguramente um dos portugueses mais críticos em relação aos Media ( mas não neste caso, o que não quer dizer que não tenha havido algum excesso por parte da Sic notícias), em particular a televisão, e ao seu tremendo poder (não eleito) , o que como bem avisou K. Poper, pode transformar democracias em ditaduras encapotadas ( que são as piores).

  16. carmo da rosa diz:

    Carlos Fernandes diz:
    “O facto é que José Mourinho fez muito mais por Portugal e pela projecção de Portugal no Mundo do que o Dr. Lopes”

    O FACTO é que o Dr. Santana Lopes teve uma actitude digna, como já pouco se vê. Não interessa para o caso se o indivíduo é de direita ou de esquerda, perneta ou maricas…

    O FACTO é que o Nuno Ramos de Almeida tem toda a razão quando assinala esta ‘absoluta [de bradar aos céus] falta de respeito pelos espectadores e convidados.’

    O FACTO é que José Mourinho, naquele momento, não estava a fazer a ponta dum corno pela projecção de Portugal, estava ordinariamente a chegar a um aeroporto…

    Penso eu de que.

  17. Meia-Laranja diz:

    Parece que a historia não está bem contada….

    O Santana não chegou a tempo da entrevista por causa de um jogo do Sporting….

    Foi avisado da possibilidade da interrupção….

    Verdade…mentira….o Santana gosta demasiado de publicidade, para se indispor com o Balsemão do PSD ….

    Certamente que ninguem se iria pôr de joelhos para pedir a semelhante especie para regressar….

    Aliás nem de joelhos nem de cocoras…..

  18. Santana Lopes: Parabéns, Filipe Moura!

  19. carmo da rosa diz:

    Comentário de Meia-Laranja
    Data: 28 Setembro 2007, 1:28

    (…) Foi avisado da possibilidade da interrupção….

    Seja. Mesmo que tivesse sido avisado, fez muito bem… Não há desculpa possível. O país além de doido, como diz Santana Lopes, está saloio, está pimba.

    Ainda há quem defenda isto! Como é possível! Ainda há para aí uns marrecos, PNR e skinheads de pacotilha, má imitação anglo-saxónica, a defender a pureza da raça lusa… Não me façam rir!!!
    Isto está mesmo a precisar de sangue novo, e não só por uma questão económica, ou pelo envelhecimento da população.
    Mas porque o maior português de sempre não foi o doutor Oliveira Salazar, nem o doutor Álvaro Cunhal, nem tão pouco o José Mourinho, apesar de na sua curta carreira já ter feito mais pela nação que os outros dois juntos. O maior português de sempre foi um Moçambicano chamado Eusébio da Silva Ferreira.

  20. Matos diz:

    … com Santana… FIQUEI mais pobre…
    … com Mourinho… ‘NÃO passo da cepa torta’…

    VIVAS ao 25 de Abril… pelas conquistas que todos os que vivem do trabalho, conquistaram (incluindo a dignidade)…

    ABAIXO… toda esta ‘corja de chulos’ que para além de ‘se irem governando’… vão engordando os cofres de meia dúzia de ‘supostos’ jornalistas (o sôr Costa da SIC… coitado… é vê-lo… / …onde é que ele já anda…).

  21. topiscis diz:

    …..ao JJFS … é a sua opinião ao rotular-me de ” assador” de “parvo ” e ter inclinações literárias duvidosas.
    Talvez seja parvo em comentar certos comentários. Sou parvo.
    Mas você é apenas e só um homem intelectualmente parvus.
    O que é manifestamente diferente.
    A verborreia, a caspa e o verbo que utiliza cheira-me a capataz, a mangas de alpaca de qq esquadra de polícia….
    …. e se asim é .
    Pronto.

  22. zé dos plasticos diz:

    sh.dr.Pedro Santana Lopes.Sou um zéro na net,tenho 68 anos mas apenas alguns meses comecei a mecher nisto,por isso só agora tive conhecimento destes comentários.Não sou melitante doPSD e hoge começo a ficar muinto confuso com estes chavões de direita ou de esquerda.Sempre fui defensor da liberdade de expreção e de igualdade de deveres e direitos.Penso que o sr. defende para Portugal aquilo que eu dejeso.Tenho consçiencia da classe a que pertenso,sou um simples Portugues,um zéro destes poucos milhões que nós somos mas que de modo nenhum se revê nestes meia duzia de melionários(peseudo portugueses)que sugam o sangue do nosso povo.Obrigado Dr.Santana Lopes pela sua garra pela sua disponiblidade em estar sempre pela defeza do bem estar do povo de Portugal.E assim que se defende a nossa Soberania.As viboras que o tentão denegrir são alimentadas pelas migalhas que caeem da mesa destes chamados novos ricos mas eles com o tempo irão morrer secos.Viva Portugal.

  23. zé dos plasticos diz:

    Obrigado pela vossa atensçao.

Os comentários estão fechados.