De Lisboa para Madrid via Moscovo, com passagem por Lanzarote…

…ou o outro lado de Patrícia Lança: de teórica dos malefícios da sexualidade pós-moderna a sagaz reveladora das urdiduras do comunismo internacional: ninguém pára esta Senhora!

Sobre António Figueira

SEXTA | António Figueira
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

13 respostas a De Lisboa para Madrid via Moscovo, com passagem por Lanzarote…

  1. Ezequiel diz:

    Caro António

    Who cares? Sagaz reveladora? eh eh he heh

    funny

  2. António Figueira diz:

    Estive para escrever “desconstrutora”, mas depois pareceu post-modern a mais…

  3. Fernanda Câncio diz:

    ó antónio, deixa-te de ataques ad hominem, vá. nada de ironias nem de citar a patrícia sem fazer menção aos estudos científicos que provam que o saramago anda a soldo do zapatero (ai, desculpa, do lobby gay).

  4. Luís Lavoura diz:

    Não é a sexualidade que é pós-moderna – já os gregos antigos misturavam sexo com excremento, resultando daí altíssima taxa de mortalidade. O que é pós-moderno é o lobby gay, o qual já matou mais americanos do que a guerra do Vietname.

  5. Mazinha diz:

    “O que é pós-moderno é o lobby gay, o qual já matou mais americanos do que a guerra do Vietname.”

    desde quando é que o tal lobby gay anda por aí de arma em punho a matar pessoal???? deve mesmo viver numa parvónia, tá visto, já que nunca aqui fizeram razia…

    já agora: que raio tem homossexualidade a ver com excrementos??? tenho cá para mim que o Luís anda a ver filmes muiiitooo estranhos 🙂

  6. Fernanda Câncio diz:

    deixe estar, mázinha. isto é o luís lavoura a ver se alguém o considera entrevistável. é a tendência do dia: tentar dizer o maior número de disparates para se fazer raro. no caso do luís, o esforço é desnecessário.

  7. Mazinha diz:

    ó Fernanda, por falar em disparates, ando banzada com a quantidade de gente que concorda com o Saramago acerca de Espanha “tomar conta disto”. Se já n gostava do homem, então agora…

  8. Ezequiel diz:

    eh eh eheh

    Construtora (quiçá inventora?) fica melhor, garanto-te!

    A primeira e única coisa que li desta Sra. foi um texto claramente pós-moderno sobre um livro de um lunático de estudos literários de cambridge (sim, também existem imbecis em Cambridge!) que pretendia provar que o Marx era um racista inveterado.

    Um revisionismo virado do avesso, conspurcado pelo mais irredutível dos ódiozitos de estimação. O que se faz em nome da pertença ideológica, madre mia nostradamus incluído com Papa e sem desconto…eh eh ehheh

    É de ficar “menente.” 🙂

    🙂

  9. Sérgio diz:

    Está bem acompanhada, a respeitável senhora. Ontem o Professor das Neves teorizou no DN sobre a decadência Ocidental. Impagável.

  10. Ezequiel diz:

    Caro Sérgio,

    Decadência? O que é que Prof das Neves diz sobre este assunto? Explica-me, se te apetecer, a lógica do artigo? O que é que o Prof defende? Estou curioso.

    Se não te apetecer explicar, no worries.

    cumps

  11. Luís Lavoura diz:

    Mazinha e Fernanda, eu limitei-me a transcrever as teorias da Lança.

  12. Sérgio diz:

    Caro Ezequiel,

    Quem sou eu para explicar alguma coisa? Posso, quando muito, tentar perceber aquelas linhas tortas do Professor em que primeiro procura demarcar-se das previsões de evolução social e de futurologias como vai invectivando o relativismo que defende os casamentos gay, que protege o ambiente mas esquece os embriões humanos, o divórcio e etc. nada de novo, em boa verdade.
    Cumprimentos.

  13. Euroliberal diz:

    “…que provam que o saramago anda a soldo do zapatero (ai, desculpa, do lobby gay)” revela-nos a sempre prestimosa madrinha dos gays portugueses, a nossa brava f.

    Parece que, se exceptuarmos ter aprovado uma lei que autoriza os maricones a macaqueraem o casamento verdadeiro (o hetero), Zapatero nada tem a ver com o lobi gay espanhol. Já o mesmo não se pode dizer de Mariano Rajoy, líder da oposição, que já foi capa da principal revista LBJT lá da terra, que aliás o convidava implicitamente a fazer o seu coming out… Nem todos os países merecem ter um PM arco-íris…

Os comentários estão fechados.