Sá Fernandes ganha apoio de peso e argumento imbatível

Até agora foi o melhor argumento eleitoral que encontrei. Sá Fernandes tens o meu voto, Lisboa vale bem ….uma missa do grande Maradona:

“O comentador Pedro, aqui em baixo, diz que um determinado texto publicado no O Insurgente e reproduzido pelo André Azevedo Alves, nos, e passo a citar, “calou”. Ora, não percebo como se pode dizer uma coisa dessas. A mim não me calam nem quando me estão a fazer um broche. E o que eu vi nas palavras da doutora Patricia Lanca é uma tentativa de educar as camadas jovens para longe do broche: porque perigoso, porque se pagaria um preço altíssimo, etc, etc. Na minha optica, isto é que é “estalinismo larvar”. Quer dizer: se fosse preciso votar no Doutor Sá Fernandes para que o broche continue a prosperar, não teria a mais leve vacilação.”

A propósito, como o candidato do PSD, Fernando Negrão, dirá essa palavra: Carris?

Sobre Nuno Ramos de Almeida

TERÇA | Nuno Ramos de Almeida
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.

10 respostas a Sá Fernandes ganha apoio de peso e argumento imbatível

  1. Nuno, o xotôr Sá Fernandes diz que “com o Zé havia menos carros”. Ao mesmo tempo (ou há muito pouco tempo, pouco antes de as eleições serem anunciadas) o xotôr Sá Fernandes anunciou orgulhosamente numa entrevista que “só andava de táxi e de boleia”. Nem deve saber o preço de um bilhete de autocarro ou metro.

    O que mais me admira é muitas pessoas de esquerda, como tu, andarem todas entusiasmadas com o Sá Fernandes, e eu nunca ter ouvido ou lido da parte dele nada de esquerda. Nada. Poderás tu, Nuno, mostrar-me alguma coisa de esquerda comunicada pelo José Sá Fernandes?

    (Declaração de intenções: nestas eleições voto na CDU. Acho o Rúben de longe, e indiscutivelmente, repito, de longe e indiscutivelmente, o melhor candidato, o mais bem preparado, o mais lisboeta – e é de Lisboa que falamos. A campanha dele, porém, é péssima – culpa do seu partido, que aparentemente está mais preocupado em penalizar o governo do que com Lisboa propriamente dita. Talvez escreva sobre isto aqui, assim o tempo o permita.)

    Abraços.

  2. Nuno Ramos de Almeida diz:

    Olá Filipe, como vai isso. É bom ver-te entusiasmado com pessoas que dizem coisas de esquerda. Estava convencido que tu votavas no António Costa.

  3. Nuno, se puderes responde lá ao que eu te peço… Agradecido.

  4. Nuno Ramos de Almeida diz:

    Filipe,
    Lamentavelmente parece que tu não exiges o mesmo tipo de compromisso com a esquerda ao governo.
    Sobre o Sá Fernandes e a lista do Bloco de Esquerda acho que é um homem que não tem as minhas ideias políticas mas provou combater por uma cidade menos corrupta e mais humana. Se não votasse nele, votava no Ruben de Carvalho. Vês, estamos quase primos de voto.
    Abraço,
    Nuno

  5. corvo diz:

    Filipe Moura de esquerda o Ruben talvez….

    Mas de certeza que não da esquerda de que eu faço parte.

    Aliás depois da acusação da Candidatura de Negrão, de que a proposito da Gebalis, o candidato do PCP enquanto vereador tinha uma posição, e hoje como candidato tem outra, o epiteto de troca tintas tambem lhe assenta que nem uma luva.

    E Filipe Moura em que é que afinal vai votar, no partido, que se aliou ao PSD em tudo o que é junta de freguesia de Lisboa….

    Ao partido que subrepticiamente, negociou com Carmona lugares numa novel empresa municipal de seu nome LX Desporto.

    Vota no candidato que tentou negociar uma aliança com Carmona para que a Camara não fosse dissolvida…

    Vota no candidato que nestes dois anos foi uma oposição PIFIA para não dizer colaborante.

    Gabo-lhe o gosto, como alfacinha,e como cidadão preocupado com o descalabro que seis anos de gestão PSD conduziram Lisboa, o meu voto é outro.

    Eu voto José Sá Fernandes pelas suas convicções e pela sua coragem , mas tambem pelo programa que apresenta.

    Se ele não é de esquerda, estou-me bem borrifando, muitos dos principios e valores que o vi defender no dia a dia são os mesmos que os meus,por isso o meu voto .

  6. “Lamentavelmente parece que tu não exiges o mesmo tipo de compromisso com a esquerda ao governo.”

    Acho que mais facilmente se arranjam frases de esquerda em qualquer dos membros do governo (OK, “qualquer”, talvez não) do que no José Sá Fernandes. Até no Mário Lino. Acho o “jamé, jamé” mais de esquerda que o “se houvesse mais Zés”.

    Corvo, você não se chama a.pacheco? Se não, escreve tal e qual como ele. E defende as mesmas ideias.

  7. corvo diz:

    Filipe Moura por acaso não se chama Margarida…é que os seus argumentos são iguais aos dela….

  8. Caro a.pacheco, quem me dera ter a resistência e a capacidade de argumentação da camarada Margarida…
    Cumprimentos.

  9. corvo diz:

    Cara Margarida ( ou Filipe Moura) resistência , desvario ou sectarismo…

    Já agora a todos os militantes do PCP que vergonhosamente se têm feito eco nos seus Blogues ,de uma campanha contra Sá Fernandes , sobre a historia dos assessores ,aconselho a leitura de um artigo de opinião de Carlos Marques hoje dia 2 de Julho no blogue Lisboa é Gente….

    Talvez , se o sectarismo não lhes destruiu todos os neuronios, se lembrem de perguntar aos seus controleiros, se o que Carlos Marques escreve é verdade, e se sim, porque é que o partido, partiu em guerra contra Sá Fernandes , com esse tipo de argumentos….

  10. corvo diz:

    No Jornal 24 horas diz Carmona Rodrigues:

    Sá Fernandes é uma pedra no Sapato de Lisboa

    Na Lusa, empresários de Braga organizam jantar de desagravo ao gerente da BragaParques ( entre os participantes está o Conego Melo, das bombas)

    Duas noticias que se completam…..

Os comentários estão fechados.