TPC

girl-tv.jpg

O trabalho tem estranhas recompensas. Por causa de um texto, ando a ler o “Diário do Sedutor”, de Soren Kierkegaard, em paralelo com o “Método de Engate” do celebrado Tony Clink. Posso garantir-vos que, depois da bomba atómica, é o melhor exemplo que o tal de progresso tem muito que se lhe diga.
Para além da caixa de cerejas que recebi hoje, o Tony fez um verdadeiro clic ou Clink na minha vida. Sou um homem novo e fiquei a saber que perguntar “como foi o teu dia?” funciona melhor numa situação social, e (isto é importante) é melhor “não usar esta abordagem inicial logo pela manhã. É melhor esperar pelo final da tarde” , ensina Tony na página 82. Mal posso esperar pela pagina 311 e final da obra.
Sobre o assunto em épigrafe pouco, ou nada, tenho a dizer. Continuo a gostar da frase que garante que  “o amor não é apenas uma anomalia, mas antes uma improbabilidade absolutamente normal”. Espero que o Tony não desaprove.

Sobre Nuno Ramos de Almeida

TERÇA | Nuno Ramos de Almeida
Este artigo foi publicado em cinco dias. Bookmark o permalink.